Timão vacila, e deixa Bota devolver a derrota.

Timão vacila, e deixa Bota devolver a derrota.

O Corinthians, em jogo válido pela 29ª rodada do Brasileirão, foi derrotado, em pleno Pacaembu, pelo Botafogo, por 2X0. Os gols foram marcados por Loco Abreu, e Maicosuel. O resultado, totalmente decepcionante para a Fiel, deu fôlego ao adversário direto na disputa pelo título. Numa noite em que nada deu certo para o Timão, e que sentiu muito as ausências de Sheik e Liédson, o time corre o risco de, de novo, perder a liderança.

Na primeira etapa, o Botafogo começou melhor, mais bem disposto, e com postura de quem buscava a vitória. O time carioca teve um gol anulado. De forma discutível, aos 4mim, quando, em cobrança de falta na área, Marcelo Mattos finalizou para o gol; dois jogadores do botafogo, em posição ilegal, mas que não participaram da jogada, confundiram a arbitragem. O susto corintiano não serviu de alerta para o time, e aos 11 min, Elkeson recebeu de Felipe Menezes e cruzou na área, a bola desviou em Fábio Santos.e sobrou para Loco Abreu cabecear, e inaugurar o marcador: Botafogo 1X0.

O Corinthians bem que tentou reagir na partida, mas com o seu meio de campo irreconhecível, e o lateral Alessandro, e Jorge Henrique no ataque fazendo uma de suas piores partidas com a camisa do Timão, o Corinthians nada conseguiu. Ou melhor, conseguiu sim; tomar mais um gol. Aos 33 min, Cortês cobrou lateral, Felipe Menezes, fazendo grande partida, rolou para Maicosuel, que contou com o desvio de Moradei e ampliou: Botafogo 2X0. O time da casa até que conseguiu criar alguma coisa nos momentos finais da partida, mas, nada conseguiu. Outro destaque negativo foi a arbitragem, que demonstrou que se errou no lance do gol anulado foi mesmo sem intenção. Na prática, quase todos os arremessos laterais era pró-Botafogo, e o bandeira até viu mão na bola de Alex, que não existiu, paralisando importante jogada ofensiva do Timão.

No segundo tempo o jogo se transformou em ataque contra defesa; logo no começo, as chances corintianas foram aparecendo,uma após a outra. No decorrer da etapa, a pressão do Timão foi quase insuportável, e levou o Botafogo a perder Bruno Cortês, devido ao segundo cartão amarelo, quando, na cobrança, Alex acertou a trave; e o que já era retranca, virou nove jogadores na área, se defendendo, e até Louco Abreu virou zagueiro. O técnico Tite tirou, então, o volante Moradei, para a entrada de Adriano.

O Imperador, porém, mostrou estar completamente fora de forma, e pouca diferença fez no ataque,a não ser um toque de mestre, que Paulinho, só ele e o goleiro, desperdiçou. Na outra substituição, Tite tirou o ridículo Alessandro, e colocou Ramirez. Mas nada funcionou. A rigor, o Botafogo teve uma única jogada de ataque, aos 31 minutos de jogo, e foi muito bem defendido, pela sua competente zaga, que ganhava tudo, pelo alto, ou por baixo, e pela arbitragem, que deixou de dar pênalti quando Paulo André foi derrubado na área, puxado pela camisa. De qualquer forma, a vitória dos cariocas foi incontestável, pelo brilhante primeiro tempo que fez. Menos mal que outros adversários, como São Paulo, Inter e Flamengo só empataram, e que o Botafogo, apesar do excelente futebol do primeiro tempo, não é time de chegada. Resta agora secar o Vasco.

Imagem: Alex Silva/AE

Timão vacila, e deixa Bota devolver a derrota.

Fonte: Roda de Corinthianos

Enviado por: Dirceu Felipe de Barros

Veja Mais:

  • Meia sentiu a costela após dividida com Betão

    Jadson tem fratura constatada e desfalca Corinthians por um mês

    ver detalhes
  • Jô, artilheiro do Corinthians na temporada com 15 gols, não balançou as redes nesta quarta-feira

    Fora de casa, líder Corinthians para na retranca do Avaí e volta a empatar no Brasileirão

    ver detalhes
  • Walter não garantiu permanência no Corinthians

    Walter não garante permanência no Corinthians: 'Estou aguardando'

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel não viveu boa noite na Ressacada

    Torcida do Corinthians escolhe árbitro e Marquinhos Gabriel como vilões por empate contra o Avaí

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes