Corinthians consolida liderança e aumenta jejum do Cruzeiro

Corinthians consolida liderança e aumenta jejum do Cruzeiro

Por Meu Timão

Paulinho comemora o unico gol do jogo em Sete Lagoas. Timão ainda mais líder!

Paulinho comemora o unico gol do jogo em Sete Lagoas. Timão ainda mais líder!

Foto: Ramon Bitencourt

O Corinthians venceu o Cruzeiro por 1 a 0, com gol de Paulinho, na Arena do Jacaré lotada. Assim, consolidou a liderança e afundou ainda mais o Cruzeiro, que agora acumula onze jogos sem vitória no Brasileirão.

Por estar na mira do Corinthians para 2012, Montillo, principal personagem da partida, ainda perdeu pênalti que daria o empate ao Cruzeiro, no fim do segundo tempo.

Com o resultado, o Alvinegro chegou aos 54 pontos e o Cruzeiro estacionou 31 pontos, mesmo número do Atlético-MG, primeira equipe dentro da zona de rebaixamento.

Sol forte e jogo quente

Logo no início, o jogo já deu mostras que seria duro em Sete Lagoas. No segundo minuto da partida, Paulo André e Kerrison dividiram pelo alto e o cruzeirense levou a pior, tendo que ser atendido fora de campo antes de voltar ao jogo.

Além do caráter violento, o começo do jogo apresentou um Corinthians valente, que não se intimidava com a Arena do Jacaré praticamente lotada. Assim, foi o Timão que criou as primeiras chances de gol, em chute de longe de Alex e cabeçada de Liedson.

Aos poucos, o Cruzeiro cresceu no jogo e também passou a criar chances perigosas. Montillo e Fabrício assustaram Julio Cesar em chutes de longe e Keirrison perdeu chance clara após cruzamento de Everton.

O equilíbrio, assim como as entradas duras, perdurou por todo o primeiro tempo. Mas o forte calor começou a atrapalhar o jogo, que diminuiu o ritmo. Assim, o árbitro foi obrigado a dar parada técnica por dois minutos para hidratação dos jogadores.

Na volta da parada, o jogo ficou alucinante. Keirrison perdeu duas chances incríveis. A primeira se embananando com a bola dentro a área e a segunda perdendo a passada mesmo tendo oportunidade tanto para chutar quanto para rolar para um companheiro fazer o gol.

No fim da primeira etapa, o Corinthians, por sua vez, ficou na bronca com a arbitragem, pedindo dois pênaltis no mesmo lance. O primeiro em dividida de Fábio com Liedson e o segundo após Paulinho, na sobra, cair dentro da grande área.

Segunda etapa alucinante

Se a primeira etapa mostrou um bom futebol na Arena do Jacaré, a segunda se provou ainda mais emocionante. Desde o início as chances apareceram. Montillo, pelo Cruzeiro, e Danilo, pelo Alvinegro, criaram as melhores oportunidades mas pararam nas mãos dos goleiros.

Com o gande número de chances criadas, o gol não demorarou a aparecer. E aos 19 minutos, finalemente o zero saiu do placar. Alex tentou a jogada pela esquerda e a bola sobrou para Paulinho, que chegou batendo e abriu a contagem na Arena do Jacaré.

Com o gol, a supremacia do Corinthians na partida, em princípio, aumentou. O Timão passou a trocar passes na defesa e administrar o resultado favorável. Só que apin apareceu Montillo, que comandando o Cruzeiro, começou a assustar o Corinthians.

Toda a bela atuação do meia argentino, no entanto, foi por água abaixo. Após Elber sofrer pênalti duvidoso, Montillo bateu por cima e desperdiçou chance de empatar a partida.

No fim, o Cruzeiro tentou continuar pressionando na base do 'abafa', mas foi em vão. A vitória era mesmo do Corinthians.

Próximos jogos

As duas equipes voltam a campo só no próximo domingo pelo Brasileirão. O Corinthians segue como visitante e o Cruzeiro como mandante. O Timão terá a difícil missão de enfrentar o Internacional no Beira-Rio, às 16h. Já a Raposa recebe o Atlético-GO, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, às 18h.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 0 X 1 CORINTHIANS

Estádio: Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG)
Data/hora: 16/10/2011 - 16h (de Brasília)
Árbitro: Pablo dos Santos Alves (ES)
Auxiliares: Fabiano da Silva Ramires (ES) e Fabricio Vilarinho da Silva (GO)
Renda/público: R$ 189.185 / 17.004 pagantes
Cartões amarelos: Diego Renan, Marquinhos Paraná, W. Paulista e Charles (CRU); Alessandro e Leandro Castán (COR)
Cartões vermelhos: Tite (COR)
Gols: Paulinho, 19'/2°T (0-1)

CRUZEIRO: Fábio, Vitor, Victorino, Léo e Everton (Diego Renan, 43'/1°T); Fabrício, Marquinhos Paraná, Charles (Elber, 25'/2°T) e Montillo; Keirrison (Anselmo Ramón, intervalo) e Wellington Paulista. Técnico: Vágner Mancini.

CORINTHIANS: Julio Cesar, Alessandro, Paulo André, Leandro Castán e Ramon (Wallace, 25'/2°T); Ralf, Paulinho, Danilo e Alex; Willian (Edenilson, 19'/2°T) e Liedson (Ramírez, 30'/2°T). Técnico: Tite.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Camacho e o pai Anizio Camacho

    Acidente em casa tira vida de pai de Camacho; mãe e irmão do jogador são hospitalizados

    ver detalhes
  • Atlético-PR e Coritiba preferiram não realizar a partida e enfrentaram o modelo tradicional do futebol

    Unidos, rivais peitam a Globo e acabam barrados pela Federação Paranaense

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade pode ser afastado nesta segunda-feira

    Linha do tempo e opiniões de conselheiros: tudo sobre o tema impeachment no Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians terminou a quarta rodada como líder do Grupo A

    Líder do Grupo A, Corinthians termina rodada um ponto atrás do líder geral

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes