Por laser da torcida, Corinthians é multado em R$ 20 mil pelo STJD

Por laser da torcida, Corinthians é multado em R$ 20 mil pelo STJD

Por Meu Timão

O Corinthians recebeu multa de R$ 20 mil do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), na tarde desta segunda-feira, por conta de laser acionado por torcedores na direção do campo, em duelo com o Atlético-GO, no Pacaembu.

Na ocasião, em 9 de outubro, o árbitro Jean Pierre Gonçalves Lima relatou na súmula que "no transcorrer do segundo tempo, a partida foi paralisada momentaneamente em função de um raio laser que partiu da torcida do Corinthians. Solicitei providências ao policiamento sendo atendido imediatamente".

Durante o julgamento, o advogado do clube, João Zanforlin, justificou que não havia como saber de que local da arquibancada foi disparado o feixe de luz naquele dia. Segundo ele, a defesa se sentia impedida de realizar a tese porque o árbitro não explicou como fez para o laser cessar.

O curioso é o valor da multa aplicada ao Corinthians. Por comportamento idêntico de sua torcida, o Palmeiras foi multado em R$ 3 mil, no final do mês passado. Pelo artigo em que os clubes foram denunciados (213 I, que consiste em "deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir: desordens em sua praça de desporto"), está previsto pena de R$ 100 a R$ 100 mil.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais:

  • Timão venceu o Patriotas nesta quarta-feira na Arena

    Adversário do Corinthians nas oitavas da Sul-Americana é definido

    ver detalhes
  • Emerson Santos, do Botafogo, está no radar do Corinthians

    Corinthians se aproxima de zagueiro do Botafogo e tenta contratação imediata

    ver detalhes
  • Site da Nike está vendendo o novo modelo, que ainda não foi lançado oficialmente

    Nova terceira camisa do Corinthians é divulgada em site da Nike; veja fotos

    ver detalhes
  • Pedrinho comemorou primeiro gol pelo Corinthians com jantar no Burger King

    Pedrinho comenta pós-jogo no Burger King e confessa 'noite difícil' após gol pelo Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes