Heroi, Ramírez se torna exemplo corintiano ao ter sido persistente

Heroi, Ramírez se torna exemplo corintiano ao ter sido persistente

Por Meu Timão

Pouco aproveitado no Campeonato Brasileiro, o meia Ramírez entrou em campo na etapa final do confronto desta quarta-feira com o Ceará e fez o gol da vitória corintiana. Responsável por isolar o time no primeiro lugar da competição nacional, o peruano foi exaltado pelos colegas, que o citaram como um exemplo para o grupo.

'O Cachito não vinha nem sendo relacionado e pôde fazer o gol da vitória. Mostra que ele está comprometido. Faltando pouco para acabar o ano, ele poderia ter desistido com o Tite', disse o lateral direito e atual capitão Alessandro.

Para fazer o gol aos 35 minutos da etapa final, Ramírez deixou o banco de reservas e entrou no lugar de Danilo, que estava apagado. Mesmo substituído, o titular elogiou o concorrente ao final da partida. 'Ele entrou e fez um golaço. Mostra que nosso grupo é muito forte', avaliou Danilo.

Contratado no início do ano pelo Corinthians, ele perdeu espaço depois de ter sido expulso no confronto que definiu a eliminação precoce da equipe na Copa Libertadores, diante do Tolima - na ocasião, acertou uma cotovelada em um adversário logo depois de ter entrado em campo. Além disso, ele sofreu com lesões, perdendo inclusive a Copa América com a seleção peruana.

Pouco badalado entre os medalhões do grupo, Ramírez até gosta de brincar nos trabalhos da equipe durante a semana, mas dificilmente dá entrevistas. Alega não falar bem português. 'Ele é um pouco reservado mesmo, apesar de se relacionar bem com o grupo. Mesmo quando não é relacionado para os jogos, se dedica nos teinamentos. Isso (ganhar oportunidade e ser decisivo marcando gol) não cai no colo de ninguém, é que ele realmente buscou', resumiu Alessandro.

Outro a ter chance nesta quarta-feira foi Morais, que substituiu Liedson ainda no intervalo. 'Foi importante. Em alguns jogos nem estava indo para o banco. Mas nunca abaixei a cabeça. Hoje o Corinthians mostrou a força de seu elenco, e espero sempre ajudar o grupo', concluiu o meia.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes