Grupo do Corinthians exalta o 'calado' Cachito Ramírez

Grupo do Corinthians exalta o 'calado' Cachito Ramírez

Por Meu Timão

Cachito comemora o gol com os companheiros

Cachito comemora o gol com os companheiros

Foto: Tom Dib

Luís Ramírez deixou o campo do estádio Presidente Vargas sem dar entrevisas. Os motivos são sua timidez e a falta de desenvoltura com o idioma português. Características de Cachito, peruano que deu a vitória ao Timão contra o Ceará, nesta quarta-feira.

- Ele é um pouco reservado, sim, mas cada dia que passa tem falado bem melhor o português. Se relaciona bem com o grupo e mesmo quando não é relacionado faz o trabalho dele. Há muito tempo não jogava. E vir a uma altura dessa do campeonato e fazer gol da vitória mostra que ele tem trabalhado. Isso não cai no colo de ninguém - destacou o capitão Alessandro.

Entre junho e outubro, o meia ficou quatro meses sem jogar pelo Corinthians. Por conta de uma fratura sofrida no segundo metatarso do pé esquerdo, perdeu espaço, não pôde jogar a Copa América e deixou de ser opção para Tite.

Após esse período, voltou a jogar no dia 12 de outubro, nos minutos finais do jogo que foi a estreia de Adriano. Entrou também na etapa final dos jogos contra Botafogo e Cruzeiro. Após um hiato de quatro jogos, voltou a atuar nesta quarta, marcando o gol que deixou o Timão mais perto do título.

- Nao só o Ramirez, mas o Morais também, que nos últimos jogos nem no banco estava, acabaram entrando para nos ajudar. Tem de estar preparado. O Ramírez é um cara calado, que não conversa muito, mas dentro de campo podemos contar com ele. Continuou igual, não falou nada depois do gol, tomou banho, sem incomodar ninguém. Jogando começa a criar intimidade, começa a se soltar um pouco mais - analisou Paulo André.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Fernando César (empresário), Roberto de Andrade, Pablo, Flávio Adauto e Alessandro em reunião

    Corinthians acerta permanência de Pablo; resta acordo com Bordeaux

    ver detalhes
  • Com derrota por 3 a 0 no placar agregado, Timão ficou com o vice do Brasileirão 2017

    Valente, Corinthians/Audax sofre nova derrota e é vice-campeão brasileiro de 2017

    ver detalhes
  • Walter não será liberado pelo Corinthians

    Corinthians bate o martelo e não libera Walter para o São Paulo; novo encontro no sábado

    ver detalhes
  • Meia sentiu a costela após dividida com Betão

    Jadson tem fratura constatada e desfalca Corinthians por um mês

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes