Montillo se blinda para outras propostas até o fim do Brasileiro e mantém foco no Cruzeiro

Montillo se blinda para outras propostas até o fim do Brasileiro e mantém foco no Cruzeiro

Por Meu Timão

A situação do Cruzeiro no Campeonato Brasileiro ainda preocupa bastante, não só os torcedores, mas principalmente os jogadores do clube e, em especial, um dos principais deles: o meia Montillo. Apesar da campanha ruim do time mineiro na competição nacional, o argentino continuou se destacando e, inclusive, chamou a atenção de outras equipes no Brasil - foi aí que começaram as especulações sobre sua saída.

Montillo, no entanto, garante que não ouviu nenhuma proposta até agora. O meia resolveu ‘se blindar’ até o final do campeonato e pediu para o seu procurador não informá-lo sobre nenhuma oferta de outros clubes antes do dia 4 de dezembro.

Eu já falei com meu procurador, que se ele tiver alguma coisa, que não fale para mim até que acabe o torneio. Acho importante respeitar o torcedor, respeitar a meus companheiros, disse o jogador cruzeirense, em entrevista à Rádio Estadão ESPN.

Acho que para mim também não é bom ficar nas especulações de outros times porque eu sou jogador do Cruzeiro e, faltando dois jogos importantes para o clube, não posso ficar pensando no ano que vem, continuou.

Montillo vê principalmente o próximo jogo do Cruzeiro, contra o Ceará, como a grande chance de o clube se livrar logo do risco de ser rebaixado neste ano. Por isso, ele está procurando se concentrar na partida desde já e evitar que qualquer fator externo atrapalhe isso. A melhor maneira de sair disso é não falar com ninguém, só me concentrar.

Destaque do Cruzeiro nesta temporada, Montillo foi indicado ao prêmio dos melhores do Brasileirão, mas prefere não pensar em honrarias individuais por enquanto. Tudo o que ele quer, é ver o Cruzeiro escapar de vez do rebaixamento.

Eu acho que os prêmios individuais são bons para qualquer jogador e é muito bom estar indicado. Mas consigo isso graças ao time também, sempre falo isso. É o time que deixa tudo mais fácil dentro de campo para mim. Mas o importante é primeiro sair da situação que estamos e, depois, se puder vir um premio também será muito bom, encerrou.

Fonte: ESPN

Veja Mais:

  • Corinthians tem missão complicada por vaga na Libertadores

    Resultado da Copa do Brasil complica ainda mais situação do Corinthians rumo à Libertadores

    ver detalhes
  • Guilherme Arana disputará Sul-Americano no Equador

    Corinthianos são convocados para Sul-Americano Sub-20; Jabá fica fora

    ver detalhes
  • Com Luan 'impossível', Timão deve voltar ao mercado para analisar outras opções à defesa

    Sem campeão olímpico, Corinthians monitora novas opções para zaga

    ver detalhes
  • Moisés, de 21 anos, foi um dos destaques do Bahia em 2016

    Destaque do Bahia, lateral faz parte dos planos do Corinthians para 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes