Em SC, Figueirense e Corinthians secam rivais para tentar escrever história

Em SC, Figueirense e Corinthians secam rivais para tentar escrever história

Por Meu Timão

Corinthians chegou a Florianópolis no sábado em busca do título brasileiro

Corinthians chegou a Florianópolis no sábado em busca do título brasileiro

Foto: Reinaldo Marques/Terra

O Corinthians tem chances muito razoáveis de conquistar neste domingo, em partida pela 37ª rodada, o título de campeão brasileiro de 2011. Para isso, basta vencer seu compromisso e torcer para o que Fluminense derrote o Vasco da Gama. O problema para os paulistas, líderes com 67 pontos em 36 jogos, é que, pela frente, eles têm o embalado time do Figueirense, que joga em casa com pretensões consideráveis para o final do ano.

Com 57 pontos, na quinta posição da tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, o time catarinense pode se garantir ainda neste domingo na Copa Libertadores de 2012 - e o primeiro passo para isso é vencer o jogo às 17h (de Brasília) no Estádio Orlando Scarpelli. Com sorte e uma ajuda de times como Botafogo, Internacional, São Paulo e Coritiba, torna-se o segundo clube da história catarinense a participar do torneio - o Criciúma, campeão da Copa do Brasil de 1991, jogou a Libertadores de 1992.

O técnico Jorginho, que busca sua afirmação no mercado nacional de treinadores, ostenta uma marca considerável para a partida deste domingo. Antes de perder em casa para o ascendente Fluminense por 4 a 0, comandara o time em 14 jogos sem derrota, com sete vitórias e sete empates. Assim, ganhou a indicação em sua categoria para o Prêmio Craque do Brasileirão 2011, ao lado de Ricardo Gomes/Cristóvão Borges (Vasco) e de Tite (Corinthians), justamente seu rival neste domingo.

Tite, que chegou a Florianópolis neste sábado, não fez muito mistério para definir a escalação que mandará a campo para tentar o título. Com Danilo de titular no meio de campo e Alex na reserva, o treinador repetirá o time que entrou em campo na vitória de virada por 2 a 1 sobre o Atlético-MG: Júlio César; Alessandro, Paulo André, Leandro Castán e Fábio Santos; Paulinho e Ralf; Willian, Danilo e Emerson; Liedson. Adriano deve seguir no banco de reservas, mas o Figueirense já mostrou que está atento ao rival.

'A gente não teme nada. Tem que entrar em campo com atenção. Eles têm um bom posicionamento dentro da área. O Liedson é um grande finalizador, a gente tem que ter atenção', avisou o volante Ygor, que voltará a ser titular do time.

Em clima de decisão, o Figueirense também não tem muito a esconder. A defesa será a mesma que foi surpreendida em casa pelo Fluminense. No meio de campo, os volantes Túlio e Jônatas deixam o time titular, respectivamente por lesão muscular e opção técnica - em suas vagas, entram Ygor e Coutinho. Mais à frente, na criação, Maicon e Fernandes estão garantidos, enquanto Elias cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Por fim, o ataque terá o retorno de Júlio César, recuperado de contusão, ao lado de Wellington Nem - Aloísio fica no banco.

Apesar da clareza, Jorginho demonstrou alguma inquietação ao lembrar que o treino de seu time na sexta-feira, no Estádio Orlando Scarpelli, foi acompanhado por um 'espião' do Corinthians. 'Eu poderia enviar alguém lá (ao treino do rival). Mas se vai entrar Danilo ou Alex, não faz diferença', disse, antes de saber da escalação de Tite. 'O mais importante é o trabalho que vem sendo realizado', completou mais tarde, pronto para conquistar a chance que o Figueirense deixou escapar no Brasileiro de 2006 e na Copa do Brasil de 2007.

Fonte: Terra

Veja Mais:

  • Atlético-PR e Coritiba preferiram não realizar a partida e enfrentaram o modelo tradicional do futebol

    Unidos, rivais peitam a Globo e acabam barrados pela Federação Paranaense

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade pode ser afastado nesta segunda-feira

    Linha do tempo, bastidores e opiniões de conselheiros: tudo sobre o impeachment no Corinthians

    ver detalhes
  • Fábio Carille comandou Corinthians em mais uma vitória, desta vez contra o Audax

    Passadas quatro rodadas, só um time tem aproveitamento melhor que Corinthians no Paulistão-2017

    ver detalhes
  • Arena Corinthians com pouco público neste início de ano

    Sete motivos que explicam a queda do número de adimplentes do Fiel Torcedor

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes