Infiltrados, corintianos provocam torcedores rivais e preocupam PM

Infiltrados, corintianos provocam torcedores rivais e preocupam PM

Por Meu Timão

Já se esperava, mas não da maneira como tem sido. Dezenas de corintianos se infiltraram na área destinada para a torcida do Figueirense no Orlando Scarpelli e, em vez de assistirem ao duelo deste domingo às escondidas, se juntaram para entoar cantos e provocar rivais.

'Quem não for corintiano vai para a p... que pariu', foi um dos gritos da ala corintiana no setor B do estádio. Revoltados com a invasão, alguns torcedores locais cobraram providência de policiais militares, que esperavam comando do major Sandro da Costa, responsável pelo policiamento, mas se mostravam preocupados. 'Vai dar m...', disse um deles ao colega oficial.

Até o momento, não houve nenhuma ação da PM, que havia feito trabalho de prevenção ao impedir que torcedores com qualquer peça que fizesse referência ao Corinthians não passasse pelo portão do setor. Apesar do problema iminente, não foi registrada qualquer incidência.

Da carga total de 19.584 ingressos, apenas 2.500 foram destinados a corintianos. Por conta da expectativa de conquistar o pentacampeonato brasileiro antecipado neste domingo, muitos torcedores do time paulista, contudo, resolveram adquirir bilhetes reservados à torcida local.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais:

  • Giovanni Augusto será titular neste domingo

    Giovanni Augusto substitui Jadson para jogo contra Fluminense; veja escalação do Corinthians

    ver detalhes
  • Carille, que definiu a lista dos que viajarão ao Rio, com o preparador Walmir Cruz

    Sem dois titulares, Corinthians divulga lista dos relacionados para viagem ao Rio de Janeiro

    ver detalhes
  • Arana publicou foto com boneco

    Em foto de Arana, Balbuena tira onda e compara volante do Corinthians a Lula Molusco

    ver detalhes
  • Carille foi liberado dos últimos treinos do Corinthians

    Carille é liberado novamente pelo Corinthians, mas viaja ao Rio para jogo de domingo

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes