Andrés lembra acordo rompido por Tirone e confirma só 1800 ingressos para o Palmeiras

Andrés lembra acordo rompido por Tirone e confirma só 1800 ingressos para o Palmeiras

Por Meu Timão

Às vésperas da última rodada do Campeonato Brasileiro, Corinthians e Palmeiras voltaram à polêmica sobre a distribuição dos ingressos. Nesta segunda-feira, o presidente corintiano Andrés Sanchez confirmou que o rival terá direito a apenas 1800 ingressos para o clássico que pode dar o título à equipe do Parque São Jorge.

Segundo o dirigente, a decisão foi tomada como represália à quebra de um acordo por parte do Palmeiras, nas semifinais do Campeonato Paulista. Até então, as duas equipes tinham entrado em consenso para que, sempre que se enfrentassem no Pacaembu, o visitante tivesse direito a todo o setor do Tobogã. Na primeira fase do torneio, a divisão funcionou.

Andrés lembrou, ainda, que o acordo previa os clássicos do Campeonato Brasileiro sempre no Pacaembu – em troca de incentivos da prefeitura de Presidente Prudente, o Palmeiras tirou o clássico do primeiro turno da capital.

Tínhamos um acordo desde a época do Belluzzo, de jogar os dois jogos no Pacaembu, não-mandante no Tobogã. Infelizmente o Tirone não quis seguir o acordo e levou o clássico para Prudente. Então, eles agora vão ter 1.800 ingressos no Pacaembu, como é a cota para o visitante, disse o presidente corintiano em entrevista ao SporTV.

Para chegar ao título brasileiro, o Corinthians precisa apenas de um empate com o arquirrival, às 17 horas de domingo. Se perder, a equipe comandada por Tite levantará a taça desde que o Vasco não vença o Flamengo.

Fonte: ESPN

Veja Mais:

  • Pedrinho passa por trote e ataca de cantor na concentração do Corinthians

    Pedrinho passa por trote e ataca de cantor na concentração do Corinthians

    ver detalhes
  • Reinaldo Rueda recebeu oferta do Corinthians após demissão de Oswaldo de Oliveira

    Rueda volta a lamentar não ter vindo para o Corinthians no fim do ano

    ver detalhes
  • Timão estreia na Copa Sul-Americana apenas em abril

    Conmebol divulga premiação de todas as fases da Copa Sul-Americana

    ver detalhes
  • Mario Celso Petraglia, presidente do Conselho do Atlético-PR, citou o Corinthians para falar da grama sintética

    Veto à grama sintética faz presidente do Atlético-PR criticar cota de TV do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes