Tite reconhece motivação do Palmeiras e diz que, no lado rival, também buscaria 'campeonato à parte'

Tite reconhece motivação do Palmeiras e diz que, no lado rival, também buscaria 'campeonato à parte'

Por Meu Timão

Tite tem experiência para falar do dérbi paulista. Como treinador, já teve a oportunidade de vencer o duelo pelos dois lados e nesta terça-feira, na primeira entrevista coletiva da semana do clássico, o técnico corintiano fugiu de declarações polêmicas sobre a rivalidade, mas elogiou o Palmeiras e admitiu que o jogo se trata sim de um título paralelo na disputa do Brasileiro.

É um campeonato à parte. Corinthians x Palmeiras, pela história, dimensão, torcida que os dois têm é uma disputa além do campeonato. Mas meu prazer é ser campeão, ver os atletas ralando e tendo reconhecimento, não ver que o outro time está triste, afirmou Tite após o treino desta terça-feira, o primeiro depois da vitória sobre o Figueirense por 1 a 0.

Sobre o rival, o técnico não poupou elogios. Disse que o Palmeiras está no grupo de equipes que ele considera que poderiam ser campeões e explicou a expressão ‘pobre’que o treinador teria usado para falar sobre a motivição do rival em tirar a taça do Corinthians.

Não foi nesse contexto que eu falei. Você inicia um campeonato para ser campeão, é isso. Mas vencer o clássico é uma motivação muito digna, se eu tivesse lá do outro lado eu faria o mesmo, completou.

Marcos Assunção, obviamente, foi citado como um dos destaques do Palmeiras. E Tite reconheceu a importância e o poder de decisão do meio-campista. A gente respeita muito. Parar a jogada de bola parada a gente não para, mas pode diminuir o risco, analisou.

Por fim, o treinador agradeceu ao reconhecimento de Luiz Felipe Scolari, que na noite de ontem elegeu Tite o melhor treinador do Campeonato Brasileiro. Vindo dele, fico muito agradecido. Obrigado, Felipe.

Fonte: ESPN

Veja Mais:

  • Copa Sul-Americana terá 32 classificados na segunda fase

    Copa Sul-Americana chega a 21 classificados; torneio pode ter até sete campeões da Libertadores

    ver detalhes
  • Léo Santos (à dir.) deixou atividade mais cedo por conta de bolhas nos pés; Paulo Roberto foi testado na zaga

    Zagueiro deixa treino e faz Carille improvisar nesta quinta-feira; veja escalação do Corinthians

    ver detalhes
  • O meia Régis, do Bahia, recebeu elogios do técnico Fábio Carille

    Corinthians prioriza reforço para a zaga, e dispensa indicação por meia do Bahia

    ver detalhes
  • Sem oportunidades, Bruno Paulo está próximo de deixar o Corinthians

    Fora dos planos do Corinthians, Bruno Paulo negocia com time pernambucano

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes