Corinthians pode repatriar o meia Willian, do Shakhtar Donetsk

Corinthians pode repatriar o meia Willian, do Shakhtar Donetsk

Enquanto o desfecho da contratação do meia Montillo ainda não sai, a diretoria do Corinthians revela o desejo de repatriar o meia Willian, que está defendendo as cores do Shakhtar Donetsk desde 2008. O presidente em serviço do Corinthians, Roberto de Andrade, revelou o interesse no meia-atacante.

"Nós estamos atentos a situação do Willian. O pai dele conversou conosco, mas o Shakhtar ainda não se manifestou sobre a liberação. Vamos aguardar para sentar e conversar. Ainda não evoluímos na conversa", declarou o dirigente, à Rádio Bandeirantes.

Vale ressaltar que Severino da Silva, pai e empresário de Willian, entrou em contato com o diretor de futebol, Duílio Monteiro Alves, para afirmar o desejo do jogador voltar a vestir a camisa do Corinthians no ano que vem. O meia quer seguir no Brasil para ver a sua filha nascer e com isso assinar um contrato de empréstimo de seis meses para ele jogar a Libertadores.

Willian, de 23 anos, tem contrato com o clube ucraniano até junho de 2014 e uma multa de 30 milhões de euros.
comentários

Corinthians pode repatriar o meia Willian, do Shakhtar Donetsk

Fonte: futnet

Enviado por: Gustavo Gomes Pacheco

Veja Mais:

  • Marquinhos Gabriel (colete) é opção para jogo de quarta-feira; Pedrinho deve iniciar no banco

    De 'chave virada', Corinthians inicia preparação para duelo decisivo com Patriotas

    ver detalhes
  • Titular absoluto sob comando de Carille, Fagner está na mira da Inter de Milão

    Lateral do Corinthians é incluído na lista de reforços de diretor da Inter de Milão

    ver detalhes
  • Jô demonstrou desgaste no fim do jogo contra o Fluminense

    Desgaste e chance de lesão podem fazer Corinthians não ter até seis titulares contra o Patriotas

    ver detalhes
  • Jogadores comemoram gol no Maracanã

    Time e torcida do Corinthians no Maracanã ganham elogios de torcedores cariocas nas redes sociais

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes