Paulo Garcia quer debate; Mário Gobbi não responde

Paulo Garcia quer debate; Mário Gobbi não responde

Desde o início da campanha, Paulo Garcia tem desafiado seu adversário para discutir os rumos do clube nos próximos três anos, mas até agora não houve nenhuma manifestação do candidato da situação. Sem resposta até agora, Garcia resolveu, nesta segunda-feira (6) propor oficialmente data e local para a realização do debate. - A eleição é no próximo sábado e todo o corintiano tem o direito de saber o que pretendem os candidatos à Presidência do seu clube - afirmou Garcia. - Não se pode decidir o futuro de uma instituição com 30 milhões de torcedores sem um debate que esclareça as diferenças entre os currículos e os projetos de cada um.

A assessoria de Garcia já fez, na segunda-feira mesmo, o convite formal ao candidato Mário Gobbi. O encontro seria realizado entre 13h e 17h, no salão nobre da OAB, na região central da cidade. A proposta é que o debate seja realizado com a presença da imprensa e de um número limitado de assessores de cada candidato. O convite foi enviado por e-mail, mas Gobbi disse que iria pensar e ainda não respondeu.

O desafioi, na verdade, já havia sido feito, no lançamento da candidatura de Garcia, no último dia 31, em um hotel, no centro de São Paulo. Na ocasião, o empresário já deixava claro a necessidade de os candidatos se encontrarem em prol do clube. - O Corinthians merece isso, assim como os sócios e a torcida. É bom para a democracia, por isso tenho desafiado o outro candidato a discutir comigo suas ideias - ressaltou Garcia. - Quero saber o seu plano de governo. Eu tenho o meu, é público e visa um Corinthians moderno e mais rico e vencedor. Espero realmente que ele pare de fugir e aceite o convite.

Paulo Garcia quer debate; Mário Gobbi não responde

Fonte: timaonet

Enviado por: Gustavo Gomes Pacheco

Veja Mais:

  • Jadson deve ser opção a partir da próxima quarta-feira, dia 1

    Jadson confirma que se colocou à disposição para enfrentar o Palmeiras e crava jogo da reestreia

    ver detalhes
  • Fellipe Bastos, à direita, deve retornar ao time; Léo Jabá é dúvida

    Corinthians terá ao menos uma mudança na escalação para encarar Palmeiras

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade seguem aliados na política do Corinthians

    Fortalecido após veto do impeachment, Andrés Sanchez cogita voltar à presidência do Corinthians

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade assumiu presidência do Corinthians em fev/2015 e segue até fev/2018

    Conselheiros barram votação do impeachment, e Roberto de Andrade segue presidente do Timão

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes