Julio Cesar assume erro, mas cobra colegas por não 'matarem' jogo

Julio Cesar assume erro, mas cobra colegas por não 'matarem' jogo

O goleiro Julio Cesar, do Corinthians, se irritou muito depois do empate por 1 a 1 contra o Mogi Mirim, nesta quarta-feira, fora de casa. Sua equipe vencia até os 40 minutos do segundo tempo, mas não matou o jogo e permitiu o empate ao time do interior. O goleiro deu rebote em chute de fora da área e permitiu o empate.

'Não adianta ficar no 1 a 0, esperando acabar o jogo. Eu errei? Errei. Eu tinha que ter espalmado para o lado, mas a gente precisa aprender a matar o jogo. Faltou concentração, atitude, mais gana de vencer o jogo', disse o goleiro Julio Cesar.

O Corinthians teve um jogador a mais em campo desde os 13 minutos do primeiro tempo e não soube aproveitar a vantagem. Perdeu chances claras de gol no segundo tempo e contra um time dedicado, acabou pagando o preço pela falta de interesse.

A equipe de Tite tem agora dois jogos complicados pela frente. Primeiro pega o São Paulo, domingo, no primeiro clássico do ano e depois, na quarta-feira que vem, faz sua estreia na Libertadores, contra o Deportivo Táchira, em San Cristóbal, na Venezuela.

As informações são do iG

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Desfalque diante do Vitória, Pablo está recuperado e deve viajar a Goiânia

    Treino do Corinthians tem rachão com 'morte súbita', 'desafio' a Clayson e disputa de pênaltis

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes
  • Para presidente corinthiano, aporte da Crefisa no Palmeiras é 'ponto fora da curva'

    'Desleal', diz Roberto de Andrade sobre apoio da Crefisa ao arquirrival do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes