Rosenberg, diretor de marketing, é punido por Banco Central

Rosenberg, diretor de marketing, é punido por Banco Central

Rosemberg foi punido pelo banco central

Rosemberg foi punido pelo banco central

Na véspera das eleições do Corinthians, marcadas para este sábado, no Parque São Jorge, um verdadeiro escândalo abalou a chapa de Situação, encabeçada por Mário Gobbi. É que Luis Paulo Rosenberg, vice na chapa, e atual diretor de marketing do clube, foi considerado pelo Banco do Brasil como inabilitado, pelo período de oito anos, de exercer qualquer cargo de direção da administração ou gerenciamento de instituições financeiras.

Esta punição foi aplicada ao dirigente que era conselheiro do Banco Panamericano, cujos diretores estão sendo indiciados por fraudes bancárias. O ex-banco do apresentador de televisão, Silvio Santos, se envolveu em fraudes que geraram prejuízos de milhões de reais no sistema financeiro brasileiro. O banco foi denunciado pelo Banco Central em 2009.

Se não está habilitado a administrar bancos, como Rosemberg poderia ocupar algum cargo de relevância no Corinthians, como de vice-presidente? Esta é a pergunta que os correligionários de Oposição fizeram, nesta sexta-feira, assim que tomaram conhecimento do fato. A informação foi divulgada, com exclusividade pelo jornal Folha de São Paulo, dentro da Coluna Painel FC, assinada pelos jornalistas Eduardo Ohata e Bernardo Itri.

Rosenberg, com medo de gerar mais polêmcia, avitou comentar o assunto à IMprensa. Para amigos, teria menosprezado o fato, com uma frase inconsequente:

'Isso não vai dar em nada'

Situação na cabeça

As denúncias de possíveis irregularidades e de posições negativas dos candidatos de Situação, indicados pelo presidente licenciado Andrés Sanchez, fortaleceram a candidatura do empresário Paulo Garcia, líder da Situação.

"Nós temos que devolver o Corinthians aos corintianos e não deixá-lo apenas nas mãos de dois ou três aventureiros", comentou Garcia, que promete ainda impedir que um Consórcio de Empresas assuma o controle do Estádio Itaquerão, a nova casa do Corinthians, que está sendo construída para a Copa do Mundo de 2014.

Tendo Osmar Stabelli como vice-presidente, Garcia conta ainda com o apoio de várias alas importantes do clubes lideradas por ex-presidentes e personalidades como Marlene Matheus, Valdemar Pires e Alberto Dualib.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Universidade Brasil firmou acordo com Corinthians para primeiro jogo da final estadual

    Corinthians anuncia patrocínio pontual para final do Paulistão; veja como fica a camiseta

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não volta ao Corinthians em 2017

    Corinthians empresta Alan Mineiro para quarto clube diferente em menos de um ano

    ver detalhes
  • Corinthians encerrou preparação contra a Ponte Preta

    Clima bom, susto de Pablo e escalação do Corinthians: o último treino antes da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Casuals foi derrotado nos pênaltis neste sábado; próxima temporada só em agosto

    Nos pênaltis, Corinthian-Casuals perde final e adia sonho de subir de divisão

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes