Retaliação: Polícia prende vice-presidente da Mancha e mais dois

Retaliação: Polícia prende vice-presidente da Mancha e mais dois

Retaliação: Polícia prende vice-presidente da Mancha e mais dois

Retaliação: Polícia prende vice-presidente da Mancha e mais dois

' A Polícia Civil de São Paulo prendeu na manhã desta quarta-feira de manhã mais três torcedores integrantes da torcida organizada do Palmeiras Mancha Alviverde. Os três são acusados de participar do confronto com integrantes da Gaviões da Fiel antes do clássico entre Corinthians e Palmeiras, no último dia 25 de março. Um dos integrantes da organizada que foi preso é Lucas Lezo (ao meio), vice-presidente da Mancha e irmão de André Lezo (à esq.), morto durante a briga generalizada.

Lucas é o segundo integrante da família Lezo a ser preso pela polícia. Tiago Lezo (à dir.) cumpre prisão preventiva sob a acusação de participação do confronto na Avenida Inajar de Souza, na Zona Norte de São Paulo. A polícia encontrou na residência de Tiago um canivete, cassetete e munição de arma de fogo.


As três prisões desta quarta-feira totalizam 10 apreensões feitas pelo Departamento de Homicídos e Proteção à Pessoa, em conjunto com o Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância). Nove dos presos são integrantes da Mancha Verde e um Gaviões da Fiel.



Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Balbuena subiu mais alto do que todo mundo para marcar o gol do Corinthians

    Balbuena faz golaço de cabeça, e líder Corinthians vence Fluminense pelo Brasileirão

    ver detalhes
  • Corinthians 'botou Fluminense na roda'

    Abel Braga distribui elogios ao futebol do Corinthians após vitória: 'Motivos de ser líder'

    ver detalhes
  • Balbuena marcou o gol da vitória do Corinthians

    Balbuena e Cássio são os melhores em vitória do Corinthians; Carille se destaca também

    ver detalhes
  • Lucca vem se destacando com a camisa da Ponte Preta

    Emprestado pelo Corinthians, Lucca ultrapassa Jô e se torna artilheiro do Brasileirão

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes