Na fronteira, Corinthians joga por um empate contra o Nacional

Na fronteira, Corinthians joga por um empate contra o Nacional

A diretoria da equipe paraguaia transferiu o jogo para Ciudad del Este, fronteira com o Brasil, e espera lucrar com a provável presença maciça dos torcedores alvinegros, que só precisam de um empate para deixarem o Estádio 3 de Febrero felizes e qualificados para o mata-mata.

“Os corintianos estão em todos os lugares. Se liberarem o estádio inteiro, a nossa torcida vai lotar. Isso é muito bom”, vibrou o goleiro Julio Cesar, que teve a opinião endossada por Tite, embora com o acréscimo de um alerta. "Não podemos nos esquecer que, mesmo com a nossa torcida comparecendo em massa, jogaremos fora de casa. Ainda assim, é bacana saber que existem grupos de torcedores que nos acompanham”.

Como inaugurou a quinta e penúltima rodada do Grupo 6 empatando em casa com o já eliminado Deportivo Táchira, o mexicano Cruz Azul retomou a liderança, com os mesmos oito pontos e saldo de gols superior ao do Timão, embora tenha um jogo a mais. Se empatar, o Corinthians voltará ao topo e não poderá mais ser alcançado pelo Nacional, que tem quatro pontos. Em caso de vitória, os paulistas garantem também a vaga do Cruz Azul.

A equipe de Tite viajou segunda-feira para Foz do Iguaçu, onde recebeu recepção calorosa no aeroporto, lotado por cerca de 200 fanáticos. Fruto da boa fase que já rendeu a classificação às quartas de final do Paulistão - divide a liderança com o rival São Paulo - e que conserva o bom ambiente entre os jogadores.

O atacante Willian é um exemplo disso. A comissão técnica chegou a afastá-lo alegando "declínio técnico", mas não ouviu reclamações e agora exalta o trabalho "em silêncio" que recolocou o camisa 7 no time e rendeu o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Paulista, no último domingo, no Pacaembu. Agora em alta, ele pode ser mantido entre os titulares, já que Jorge Henrique acabou de ser liberado pelos médicos. Emerson Sheik, outro que está recuperado, deve retomar a vaga que Cachito Ramírez ocupou no fim de semana. Alex e Alessandro seguem vetados.

Já o Nacional, apesar de não ter nenhum problema médico, está em baixa. Além de jogar longe do Estádio Nicolás Leoz, em Assunção, onde costuma mandar seus jogos, o time tricolor vem de derrota por 2 a 0 para o Rubiu Ñu, pelo Torneio Clausura do Campeonato Paraguaio. Após dez jogos na competição nacional, a equipe comandada por Javier Torrente ocupa a terceira posição e soma 18 pontos, oito a menos que o líder Olímpia.

A comissão técnica do Corinthians analisa os compromissos do oponente há alguns meses e percebeu que a maior fonte de perigo fala português: o atacante brasileiro Rodrigo Teixeira é apontado por Tite como destaque, assim como o lateral direito Mazacotte. No primeiro encontro entre os clubes, dia 7 de março, nenhum dos dois conseguiu brilhar no Pacaembu e o Alvinegro venceu por 2 a 0, com gols de Danilo e Jorge Henrique.

FICHA TÉCNICA
NACIONAL-PAR X CORINTHIANS

Local: Estádio 3 de Febrero, em Ciudad del Este (Paraguai)
Data: 11 de abril de 2012 (quarta-feira)
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Patrício Loustau (Argentina)
Assistentes: Ernesto Uziga e Ivan Gabriel Núñez (ambos da Argentina)

NACIONAL-PAR: Ignacio Don; Mazacotte, Miranda, Caniza E Miers; Orué, Villarreal, Riveros e Torales; Germán Cano e Rodrigo Teixeira.
Técnico: Javier Torrente

CORINTHIANS: Julio Cesar; Edenílson, Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho e Danilo; Jorge Henrique (Willian), Emerson e Liedson.
Técnico: Tite

Fonte: Super Esportes

Enviado por: Caio

Veja Mais:

  • Jô está de férias e só volta ao CT Joaquim Grava em janeiro

    Jô é liberado pelo Corinthians para férias e não aparece no CT nesta sexta

    ver detalhes
  • Corinthians fará sua terceira participação na Florida Cup

    Participante desde primeira edição, Corinthians tem benefício financeiro na Florida Cup

    ver detalhes
  • Farfán foi companheiro de Guerrero na seleção do Peru

    Jornalista revela interesse do Corinthians em atacante peruano

    ver detalhes
  • Camisa a ser usada pelo Corinthians contra o Cruzeiro tem escudo da Chapecoense

    Em ação no Twitter, Corinthians exibe uniforme em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes