Corinthians enfrenta rótulo de “playboy” para popularizar o polo

Corinthians enfrenta rótulo de “playboy” para popularizar o polo

"E ainda falam que o nosso esporte é de playboy”, resmungou Felipe Rodrigues, do alto de seu cavalo, às vésperas das primeiras apresentações do recém-formado time de polo do Corinthians. Como um jogador de futebol que encanta a torcida ao dar um carrinho para evitar uma saída de bola ou mancha o uniforme de sangue e continua em campo, ele havia contrariado as recomendações de médicos e amigos naquela manhã. Decidiu voltar a montar duas semanas depois de fraturar quatro costelas, consequência de um choque com uma árvore durante treinamento de sua equipe.
Para não cair do cavalo também no projeto que acaba de lançar, Felipe conta justamente com a garra que caracteriza a maioria dos ídolos do Corinthians. Ele tem 29 anos, é empresário do ramo imobiliário e teve a ideia de associar o polo ao “time do povo” para popularizar um esporte geralmente atribuído à elite. “Dizem que só aristocratas bilionários podem jogar. Isso é mentira. Na Argentina, a maior potência do polo, não é assim que funciona. Com o Corinthians, poderemos acabar com esse rótulo no Brasil e ainda deixar um legado para as próximas gerações de jogadores”, discursou.

Corinthians enfrenta rótulo de “playboy” para popularizar o polo

Fonte: Gazeta Esportiva

Enviado por: Matheus

Veja Mais:

  • Marcio Zanardi, ex-treinador do Sub-17 do Corinthians, ao lado do pai, Wilson

    Portal denuncia esquema de suborno de R$ 50 mil por escalação na base do Corinthians

    ver detalhes
  • Pequeno Mateus viveu noite mágica na última quarta-feira

    Ingresso, camiseta e sonho realizado na Arena Corinthians: a história que está bombando na web

    ver detalhes
  • Timão venceu o Patriotas nesta quarta-feira na Arena

    Adversário do Corinthians nas oitavas da Sul-Americana é definido

    ver detalhes
  • Emerson Santos, do Botafogo, está no radar do Corinthians

    Corinthians se aproxima de zagueiro do Botafogo e tenta contratação imediata

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes