Dinamarquesa do Corinthians brilha e se destaca na 1ª noite de finais

Dinamarquesa do Corinthians brilha e se destaca na 1ª noite de finais

Uma dinamarquesa de 24 anos contratada para representar o Corinthians se tornou o destaque da primeira noite de finais do Troféu Maria Lenk, disputado no Rio de Janeiro. Nesta terça-feira, Lotte Friis ofuscou brasileiros e até a estrela francesa Laure Manaudou: venceu suas duas provas - 200 m livre e 1.500 m livre - e, com duas medalhas de ouro, chamou a atenção do público na capital fluminense.

Friis é dona de uma medalha olímpica: bronze nos 800 m livre em Pequim 2008. Desde então, evoluiu muito nas provas de fundo, com direito a dois títulos europeus em 2010, nos 800 m e 1500 m livre. Em Mundiais, também detém dois títulos: 800 m livre na edição de Roma 2009 e 1500 m livre em Xangai 2011. Apesar disso, foi bem em uma prova mais rápida no Parque Aquático Maria Lenk: os 200 m livre.
Na primeira final da terça-feira, a dinamarquesa deixou para trás a brasileira Manuella Lyrio, segundo colocada, e a francesa Laure Manaudou, do EC Pinheiros, que decepcionou com a terceira posição. Poucos minutos depois, a estrela da natação, famosa por suas polêmicas fora das piscinas, caiu na água para a final dos 50 m costas e também não conseguiu a vitória: terminou na segunda colocação, atrás de Fabíola Molina.
A vitória de uma das mais experientes nadadoras brasileiras, ainda que seja em uma prova que não faz parte do programa olímpico, é importante por ser sua primeira disputa desde que se encerrou a punição por doping determinada pelo Tribunal Arbitral do Esporte (TAS). Por ser flagrada no exame pela substância methylhexaneamine, ela foi suspensa por seis meses. Como já havia cumprido dois na época da decisão, ficou fora os últimos quatro.
Fabíola e Manaudou puderam ver de longe, mais tarde, na última prova da noite, o segundo triunfo de Lotte Friis: ouro nos 1.500 m, uma de suas especialidades. "O Corinthians me ajudou muito. É um bom time, e os torcedores me apoiam bastante", disse, em inglês, ao Sportv após a vitória. Antes, ela havia elogiado o nível do evento: "eu sei que está todo mundo se esforçando ao máximo para conseguir bons tempos, e essa foi um dos motivos pelo qual aceitei vir aqui: para ter experiência de competição".

Dinamarquesa do Corinthians brilha e se destaca na 1ª noite de finais

Fonte: Terra

Enviado por: Matheus

Veja Mais:

  • Sub-20 comemorando título do Corinthians/UNIP no futsal

    Sub-20 conquista título estadual e Corinthians fica perto de fim de ano perfeito no futsal

    ver detalhes
  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes