Libertadores: Edenílson é vetado do primeiro jogo contra o Vasco

Libertadores: Edenílson é vetado do primeiro jogo contra o Vasco

O volante Edenílson saberá nesta sexta-feira pela manhã a gravidade da lesão sofrida no tornozelo esquerdo durante a vitória sobre o Emelec, na noite de quarta-feira. Mas uma coisa é certa: o lateral improvisado já está fora do jogo de ida das quartas de final da Copa Libertadores, na próxima quarta, no Rio, diante do Vasco.


'Ele ficou de fazer o exame entre o fim da tarde de desta quinta e na sexta pela manhã, depois que desinchasse bem o local. Mas mesmo ainda sem o resultado do exame, pela minha experiência para quarta-feira acho que já está descartado', afirmou o médico Júlio Stancati, nesta quinta-feira.

Edenílson deixou o Pacaembu na noite passada com uma botinha imobilizadora e de muletas, sem colocar os pés no chão - foi substituído por Alessandro. Mesmo diante da lesão preocupante de Edenílson, Tite fez um apelo para os médicos fazerem de tudo para recuperá-lo rápido.

'É fundamental apressar a recuperação para ter todos prontos para as decisões. Assim como falei para o Fábio (Mahseredjian, preparador físico) dar ritmo ao Alessandro e para quem não vinha jogando. Não quero, mas alguém vai se machucar, porém, precisamos de opções pois quem vai entrar terá de ser decisivo', afirmou o treinador.

Segundo o médico , há suspeita de fratura no tornozelo do lateral. 'A suspeita ainda é grande de fratura no local, onde é bastante comum esse tipo de lesão. Daí ficaria um tempo bem maior afastado', lamentou Stancati.

Mesmo se a lesão se resumir a uma entorse, Edenílson não terá condições de jogar nem na próxima quarta e nem na estreia do Corinthians no Brasileirão, dia 20, contra o Fluminense, no Pacaembu.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Corinthians/Americana pode não voltar a quadra no segundo semestre

    Campeão nacional, Corinthians/Americana chega ao fim, diz jornal

    ver detalhes
  • De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Cicinho, hoje no futebol búlgaro, deve pintar como reforço do Corinthians

    Final da Copa da Bulgária separa Corinthians de segunda contratação para o Brasileirão-2017

    ver detalhes
  • Pequeno torcedor conheceu também o xeque Al-Khelaifi, dono do clube francês

    Em Paris, torcedor-mirim surpreende xeique do PSG e pede contratação de atacante do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes