Mesmo focado na Libertadores, Tite não esquece o Brasileirão

Mesmo focado na Libertadores, Tite não esquece o Brasileirão

A cabeça do técnico Tite está completamente focada na conquista da Taça Libertadores da América, título que, assim como o Corinthians, ainda não tem no currículo. Contudo, seus jogadores, exceto aqueles considerados titulares absolutos, não podem pensar da mesma maneira, segundo o treinador. A ordem foi passada pelo comandante já pensando no Campeonato Brasileiro que, para o Timão, começará no próximo domingo, contra o Fluminense, em jogo que acontecerá no Pacaembu.

Atual campeão nacional, o Corinthians quer usar o mesmo exemplo que deu certo em 2011 para tentar repetir a façanha no final da temporada.

Por mais que todos saibam que na Libertadores são apenas dois jogos que valem a vida ou a morte, enquanto no Brasileirão serão 38 rodadas para se decidir, Tite, inteligente, tem a consciência que pela ampla qualidade dos times, qualquer ponto desperdiçado, seja lá no início, no meio ou no fim do torneio, pode ser preponderante para a colocação final. Por isso, já alertou o grupo.

'Hoje é segunda-feira. No último sábado, já alertei para eles que se preparem muito (para o Brasileirão), quem não vêm jogando. Com partidas de quarta e domingo daqui por diante, todos vão jogar. Eles sabem que não poderei usar sempre a mesma equipe. Aliás, foi isso que nos levou ao título no ano passado', relembra o treinador alvinegro.

E a pedreira só está por começar. Entre os dois jogos contra o Vasco, pelo torneio continental, o Timão terá o Fluminense, equipe qualificada e que também está na briga pela América. Na sequência, caso vá avançando até a final da Libertadores, que terá o jogo de volta no dia 4 de julho, outras dificuldades virão no Nacional que, até esta altura, já estará na 7ª rodada: Atlético-MG, fora, Figueirense, em casa, Grêmio, fora, Ponte Preta, fora, Palmeiras e Botafogo, em casa.

'Preparo a equipe toda. Quem não iniciará jogando agora, terá grande chance de atuar nesses jogos. Mas não é rodízio, pois vou ouvir os departamentos médico e físico', explica Tite, que pega o exemplo ocorrido no último Paulistão, quando o time caiu nas quartas, diante da Ponte Preta, para o futuro próximo. 'A prioridade é na Libertadores, mas um torneio empresta confiança para o outro, com certeza', finaliza o comandante do Timão.

Reportagem de Felipe Piccoli e Juliano Macedo

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Marlone foi o destaque do treino desta quinta-feira

    Marlone marca, Caíque ganha chance e Oswaldo volta a ensaiar escalação do Corinthians

    ver detalhes
  • Alessandro é homem de confiança do presidente corinthiano

    Diretor de futebol refuta saída de Alessandro do Corinthians: 'Picuinha'

    ver detalhes
  • Rodriguinho admitiu possível saída do Corinthians

    Rodriguinho cogita saída do Corinthians: 'Vamos sentar e conversar'

    ver detalhes
  • Léo Jabá, marcado por Balbuena a imagem acima, está à disposição de Oswaldo

    Léo Jabá tranquiliza Corinthians após susto e está à disposição para jogo contra Cruzeiro

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes