Amigos, corintianos curtem ‘descanso radical’ em Campos do Jordão

Amigos, corintianos curtem ‘descanso radical’ em Campos do Jordão

O entrosamento do Corinthians vai muito além das quatro linhas. O bom ambiente dentro do clube - fator que tem ajudado na caminhada rumo ao título inédito da Libertadores - tem uma explicação: a maioria dos jogadores são amigos. Amizade que, nem mesmo nos dias de folga, fica de lado.

Paulinho, Fábio Santos, Douglas, Edenílson e Danilo Fernandes (não apareceu nas fotos) viajaram juntos para Campos do Jordão (cerca de 180 km da capital), com suas respectivas esposas e filhos, para curtirem o fim de semana de folga dado pelo técnico Tite.

E, se a adrenalina do grupo corintiano já está alta para o duelos da semifinal da Libertadores, contra o Santos (dia 13 e 20), o quinteto alvinegro tratou de aumentar um pouco essa dose. Os cinco foram ao Centro de Lazer Tarundu e fizeram atividades radicais, entre arborismo, escalada e tirolesa.

A folga no fim de semana foi a primeira do grupo nesta temporada. E, depois do descanso, vem a cobrança ainda maior nos treinamentos. Nesta segunda-feira, o Corinthians volta aos trabalhos, pela manhã, com um treino físico. Depois do almoço, o grupo realiza outra atividade. O time volta a campo, contra o Figueirense, quinta-feira, pelo Brasileirão.

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Pedrinho passa por trote e ataca de cantor na concentração do Corinthians

    Pedrinho passa por trote e ataca de cantor na concentração do Corinthians

    ver detalhes
  • Mario Celso Petraglia, presidente do Conselho do Atlético-PR, citou o Corinthians para falar da grama sintética

    Veto à grama sintética faz presidente do Atlético-PR criticar cota de TV do Corinthians

    ver detalhes
  • Maycon e Léo Jabá, formados na base, encaram Brusque nesta noite

    Corinthians visita o Brusque para seguir na Copa do Brasil e manter embalo

    ver detalhes
  • Programa de sócios do Corinthians volta a ter 100 mil torcedores

    Corinthians atualiza número de sócios-torcedores e volta ao patamar de 100 mil

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes