Valeu! Tite agradece a Deus, chora e solta um 'puta que pariu!'

Valeu! Tite agradece a Deus, chora e solta um 'puta que pariu!'

' Após a emocionante classificação do Corinthians à inédita final da Copa Libertadores da América, o técnico Tite se isolou num canto do túnel fez uma oração, ergueu os braços e se emocionou. Após agradecer a Deus, ele chegou nos vestiários ainda atônito e se recolheu num canto para chorar copiosamente. Na coletiva, mais aliviado, ele não fez questão de se conter nas palavras e desabafou:


?Puta que pariu, que baita clássico! Qualidade técnica dos dois lados...?.

Mas ele reconheceu que seu time mereceu esta classificação, valorizada por ter superado o atual campeão da Libertadores ?' o Santos.

?O Corinthians mereceu se classificar, diante de um forte time, campeão da Libertadores (o Santos). O jogo foi registrado pela qualidade deste grupo, que esta equipe (comissão técnica, jogadores e diretoria) tem demonstrado.

?Venceu o primeiro jogo, na Vila Belmiro, com autoridade. Fez seu gol e depois segurou o placar mesmo com um jogador a menos (Emerson foi expulso). Neste segundo jogo, fez um primeiro tempo não tão bom, porque ficamos muito atrás. Mas depois buscamos o empate e fomos firmes na marcação. Nem lembro uma defesa do Cássio...?

Este é o seu maior momento no futebol?

?Eu não tenho a dimensão. Fiquei muito focado no jogo, nos movimentos da partida. Confesso que vou assistir tudo amanhã, ver tudo que aconteceu. Fico muito contente de proporcionar alegria para as pessoas. Não tem que vencer a qualquer custo, de dar porrada ou outros meios que não sejam aqueles

Para Tite, o time como um todo, amadureceu junto e está pronto para buscar o título.

?Nós aprendemos muito juntos. Ao longo dos dias, a gente vai amadurecendo esta consciência do que a gente pode fazer e do que a gente pode mostrar. Aprendemos muito nas derrotas, mas sempre para melhorar, para crescer e para vencer?.
do jogo?, ensinou no seu ?titês?.

E continuou explicando...


?A gente vai conhecendo os atletas e vendo como eles reagem, em que função gente possa um determinado momento usar alguém. A gente vai errando e acertando. Enfim, sei a característica de cada jogador e quando posso usá-lo?.

E ficou inevitável uma pergunta sobre Liédson, que não concordava em ser reserva.

?Estabeleço um relacionamento com os atletas de forma aberta. Uma relação de respeito, de duas vias. Sei que ninguém que não é titular vai ficar satisfeito. Mas a idéia do técnico é ser justo. Eu meço o desempenho. Assim vários jogadores já ficaram fora, como Chicão, Alex, Willian, Émerson, Júlio César, enfim, mas todos nós vencemos nosso objetivo de chegar à final?.

E citou um belo exemplo de união geral:

?Aquele gol do Vasco (1 a 0 nas quartas-de-final), quando todos foram comemorar, reflete muito o que é o Corinthians. Não foi o Paulinho quem fez o gol, foi a torcida quem fez o gol, foi o Corinthians quem venceu?.

O que é melhor para o Corinthians na final: Boca Juniors ou Universidade do Chile?

?O Boca Juniors é um time maduro, cascudo (matreiro), uma equipe fria para jogar uma decisão desta grandeza. É um time com psicológico muito forte. Mas o Universidade também é um time muito bom. São duas grandes equipes, mas de duas escolas bem diferentes. O Universidade é mais técnico, que faz mais triangulações e que reverteu uma situação difícil nas quartas, quando perdeu o primeiro jogo e se garantiu na volta?.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes