Heróis ignoram propostas milionárias e querem ficar no Corinthians

Heróis ignoram propostas milionárias e querem ficar no Corinthians

Paulinho quer ficar no Corinthians depois conquistar a América

Paulinho quer ficar no Corinthians depois conquistar a América

A emoção de ser campeão pela primeira vez com o Corinthians, fazendo parte da história do clube e do futebol brasileiro fez alguns dos heróis desta conquista esquecer até mesmo propostas milionárias que pipocam no noticiário esportivo. São os casos do volante Paulinho e do zagueiro Leandro Castãn, que reafirmaram o interesse em permanecer no clube, agora com um motivo a mais: disputar o Mundial Interclubes, em dezembro, no Japão tendo como principal adversário, o Chelsea, da Inglaterra (Auckland City, da Oceania, e Monterrey, do México).


Para o zagueiro Leandro Castãn, que teve seu nome citado nesta semana como provável reforço da Roma, da Itália, por 4 milhões de Euros, algo em torno de R$ 12 milhões.

'Não quero saber disso agora. O momento é para festejar este título junto com a nossa torcida. Depois eu vou falar com o presidente para ver o que é melhor. Mas quero ficar no Corinthians'?, revelou.

Paulinho incisivo
O volante Paulinho foi ainda mais enfático, desmentindo que teria proposta da China e do futebol russo '' CSKA '' que estaria disposto a desembolsar até 8 milhões de euros, perto de R$ 22 milhões de reais por seu atestado liberatório.

'Vou ficar no Corinthians. Eu não tenho proposta nenhuma, pelo menos, não me chegou anda de concreto. Sempre declarei isso'?, confirmou. Para ele, o título foi merecido.

'Valeu a pena, o esforço. Todo mundo está exausto, mas todo mundo está de parabéns. Sabemos como é difícil conquistar a Libertadores. Mas fizemos tudo certo'?, finalizou.

O presidente Mário Gobbi, que caiu de pára-quedas no cargo, parecia o verdadeiro 'bobo da corte'?:

'Agora vamos só tomar champanha. Muita champanha'?, repetiu muitas vezes. E avisou que não iria comentar nada sobre a saída de qualquer jogador. 'Não é o momento. Agora temos que festejar e muito'?.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes
  • Luidy (boné) conheceu o CT Joaquim Grava na última quinta-feira

    Contratação do Corinthians vai ao CT pela primeira vez

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes