Empate com sabor de derrota

Empate com sabor de derrota

Cléber Xavier por pouco não venceu na oportunidade que teve de substituir Tite (poupado após a conquista da Copa Libertadores da América, assim como seus habituais titulares) como técnico do Corinthians. A equipe cedeu empate por 1 a 1 para o Sport aos 43 minutos do segundo tempo.

“Vejo isso como uma infelicidade. Foi um lance errado nosso, isolado”, lamentou, sem desmerecer o Sport. “O resultado é justo. O Sport foi melhor no primeiro tempo, e a gente dominou no segundo”, analisou.

De fato, o Sport pressionou bastante o Corinthians na etapa inicial. “Nosso primeiro tempo não foi bom, dando muito espaço para as infiltrações deles, mas a gente conseguiu corrigir no segundo. Transformamos o que pretendíamos em ação”, orgulhou-se Cléber Xavier.

Apesar de ser menos incomodado pelo ataque adversário na etapa complementar, o Corinthians não chegou a criar tantas chances de gol antes de abrir o placar com o centroavante Liedson. Cléber também demorou a mexer no time. Só trocou Romarinho e Ramon por Felipe e Elton nos minutos finais.

“Mas teremos outro jogo na quarta-feira. Não dá para ficar lastimando agora”, disse o profissional, que voltará a ser auxiliar de Tite no próximo compromisso. Será contra o Botafogo, no Pacaembu.

Empate com sabor de derrota.

Fonte: Gazeta Press

Veja Mais:

  • Jogadores do Corinthians comemoraram (e muito!) gol de Jadson na Arena do Grêmio

    Paulo Roberto dá show, Cássio pega pênalti, Corinthians vence Grêmio e dispara rumo ao hepta

    ver detalhes
  • Comemoração do pênalti defendido pelo Cássio

    Na redação da Band, Neto comemora pênalti defendido por Cássio: 'AQUI É CORINTHIANS P...'

    ver detalhes
  • Cássio foi eleito o melhor jogador do Corinthians na Arena do Grêmio

    Fiel destaca três corinthianos na vitória contra o Grêmio; Cássio recebe nota incrível

    ver detalhes
  • Mas foi Jadson quem mudou o placar na Arena Grêmio neste domingo

    Jogos de domingo chegam ao fim, e Corinthians abre vantagem impressionante na liderança

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes