Com foco no Mundial, Danilo não pensa em deixar o Timão

Com foco no Mundial, Danilo não pensa em deixar o Timão

Não há dúvidas. Danilo é um jogador diferente do padrão existente no futebol brasileiro. Avesso às baladas, quieto e de pouca vibração, o meia mantém a mesma humildade e tranquilidade mesmo após ser um dos heróis da Libertadores. Com contrato até o fim do ano, o camisa 20 poderia pressionar a diretoria por uma renovação ou até mesmo assinar um pré-contrato com outro clube para o fim do ano. Mas ele não quer nem ouvir falar em sair do Corinthians.

'Eu recebi algumas sondagens pelo Danilo, mas ele não quis nem ouvir. O foco dele está no jogo do Japão. Até lá, não tem conversa', afirmou Gilmar Rinaldi, empresário do jogador, ao MARCA BRASIL.

Enquanto Leandro Castán, Willian e Alex aproveitaram a conquista para ganhar uma chance fora do país, outros conseguiram uma boa valorização, casos de Paulinho e Ralf. No caso de Danilo, a diretoria ainda não se manifestou.

'O Corinthians não nos procurou. Ele tem contrato com o clube e não pensa em sair. Não existe a possibilidade de assinar um pré-contrato agora. A prioridade do Danilo será a renovação com o Corinthians, mas só depois do Mundial', explicou seu representante.

Contratado para a temporada de 2010, Danilo chegou com contrato de dois anos e demorou para convencer. Oscilou bons momentos e a reserva. Na conquista do Brasileirão, destacou-se com gols importantes e teve seu vínculo renovado por um ano. Devagarinho, sem precisar de contratos longos, o camisa 20 conquistou a torcida corintiana do seu ‘jeitão’.
 

Reportagem de André Pires e Felipe Piccoli

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Artilheiro do Brasileirão com 18 gols, Jô está escalado

    Corinthians é escalado com seis mudanças para clássico diante do Flamengo

    ver detalhes
  • Com Balbuena e Jô, Timão tenta engatar 5ª vitória consecutiva no Brasileirão

    Com novas motivações, Corinthians encara Flamengo em primeiro teste como heptacampeão

    ver detalhes
  • Antes doo Dérbi, mais de 30 mil corinthianos apoiaram os jogadores alvinegros

    Diretor se anima com chance de mais treinos abertos na Arena: 'Talvez antes do próximo jogo'

    ver detalhes
  • Vágner Love foi quem marcou no empate decisivo para sagrar o título do Corinthians

    Há dois anos, Corinthians garantia hexa do Brasileirão com empate no Rio de Janeiro

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes