Em alta, Douglas recebe terceiro amarelo e não pega o Cruzeiro

Em alta, Douglas recebe terceiro amarelo e não pega o Cruzeiro

Destaque do Corinthians com dois gols marcados na vitória por 3 a 0 sobre o Flamengo no Engenhão, na última quarta-feira, o meia Douglas voltou a agir neste sábado. Ele fez o gol de empate do Timão contra a Portuguesa (o jogo terminou 1 a 1) no estádio do Pacaembu, mas recebeu o terceiro cartão amarelo e está suspenso para a próxima rodada, quando a equipe pega o Cruzeiro, novamente em casa.
Substituto de Alex, que foi negociado com o Al Gharafa, do Qatar, Douglas ganhou total confiança do técnico Tite, adaptando-se ao esquema tático da equipe e responsabilizando-se por fortalecer a marcação do meio-campo alvinegro.
saiba mais
Veja como foi o jogo no Pacaembu
Tabela e classificação do Brasileiro
Neste momento de alta, porém, sofre o revés da suspensão e fica fora do importante jogo contra o Cruzeiro, que está à frente do Timão na tábua de classificação do Campeonato Brasileiro. O provável substituto de Douglas é Danilo, que foi poupado do jogo contra a Portuguesa.
- Deu para mostrar que estou bem, com confiança. Mas o Dida fechou o gol, ele ficou pequeno, a bola acabou não entrando. Agora é trabalhar firme para voltar bem ao time - disse Douglas.

Quem vocês acham que deve substituir Douglas ?

Fonte: Globo Esporte

Veja Mais:

  • Marciel pode ser opção para Carille nesta quarta-feira

    Marciel é liberado e pode ser relacionado pelo Corinthians para viagem a Chapecó

    ver detalhes
  • Corinthians é líder mundial nas redes sociais

    Corinthians é a entidade esportiva com melhor performance nas redes sociais do mundo, diz estudo

    ver detalhes
  • Léo Santos deve ganhar vaga de titular contra Chapecoense

    Desfalques, prováveis titulares... Corinthians se reapresenta de olho na Chapecoense

    ver detalhes
  • Andrés Sanchez gravou vídeo rebatendo Vagner Mancini

    Andrés Sanchez grava vídeo detonando Mancini após vazamento de áudio contra Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes