Em alta, Douglas recebe terceiro amarelo e não pega o Cruzeiro

Em alta, Douglas recebe terceiro amarelo e não pega o Cruzeiro

Destaque do Corinthians com dois gols marcados na vitória por 3 a 0 sobre o Flamengo no Engenhão, na última quarta-feira, o meia Douglas voltou a agir neste sábado. Ele fez o gol de empate do Timão contra a Portuguesa (o jogo terminou 1 a 1) no estádio do Pacaembu, mas recebeu o terceiro cartão amarelo e está suspenso para a próxima rodada, quando a equipe pega o Cruzeiro, novamente em casa.
Substituto de Alex, que foi negociado com o Al Gharafa, do Qatar, Douglas ganhou total confiança do técnico Tite, adaptando-se ao esquema tático da equipe e responsabilizando-se por fortalecer a marcação do meio-campo alvinegro.
saiba mais
Veja como foi o jogo no Pacaembu
Tabela e classificação do Brasileiro
Neste momento de alta, porém, sofre o revés da suspensão e fica fora do importante jogo contra o Cruzeiro, que está à frente do Timão na tábua de classificação do Campeonato Brasileiro. O provável substituto de Douglas é Danilo, que foi poupado do jogo contra a Portuguesa.
- Deu para mostrar que estou bem, com confiança. Mas o Dida fechou o gol, ele ficou pequeno, a bola acabou não entrando. Agora é trabalhar firme para voltar bem ao time - disse Douglas

Em alta, Douglas recebe terceiro amarelo e não pega o Cruzeiro

Fonte: globo esporte

Veja Mais:

  • Corinthians tem missão complicada por vaga na Libertadores

    Resultado da Copa do Brasil complica ainda mais situação do Corinthians rumo à Libertadores

    ver detalhes
  • Guilherme Arana disputará Sul-Americano no Equador

    Corinthianos são convocados para Sul-Americano Sub-20; Jabá fica fora

    ver detalhes
  • Com Luan 'impossível', Timão deve voltar ao mercado para analisar outras opções à defesa

    Sem campeão olímpico, Corinthians monitora novas opções para zaga

    ver detalhes
  • Moisés, de 21 anos, foi um dos destaques do Bahia em 2016

    Destaque do Bahia, lateral faz parte dos planos do Corinthians para 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes