Em bom momento no corinthians, Paulo André agora ataca de modelo

Em bom momento no corinthians, Paulo André agora ataca de modelo

O jogador corinthiano Paulo André foi convidado para representar em uma campanha internacional uma das maiores marcas mundiais do ramo da moda. Essa campanha contou também com grandes nomes do futebol estrangeiro, o argentino Sergio Aguero, do Manchester City e do mexicano Luis Michel, do Chivas Guadalajara que também posaram para as fotos.
Mas Paulo André afirma que dessa vez não contou somente com o seu talento mas também com a sua sorte:
"– Eles tentaram o Ralf, depois o Romarinho e depois o Liedson, mas parece que eles não aceitaram o cachê" – disse, aos risos.
"– Eu brinco porque em terra de cego quem tem um olho é rei. Acho que é por isso que acabei me destacando – emendou, desdenhando dos atributos estéticos dos colegas de time".
Paulo André foi a atração principal do lançamento da nova fragrância da marca em um shopping center em São Paulo, na noite desta segunda-feira. O zagueiro revelou que não foi tão fácil participar da sessão de fotos da campanha, apesar de demonstrar muita facilidade e um otimo desempenho.
"– No começo eu estava um pouco travado, com bastante vergonha, mas acho que o resultado ficou bom. Sou meio autodidata, tudo que eu busco aprender e fazer, consigo, até certo ponto, fazer bem feito".
Mas o jogador deixa bem claro que sua prioridade principal é o futebol e suas atividades fora do campo servem apenas para ajuda-lo a desligar-se por um instante e e dessa forma conseguir focar melhor no corinthians.
O jogador vem vivendo um bom momento no corinthians, após ficar cinco meses parado devido a uma lesão, ele já possui uma sequência de seis jogos como titular e em todos fez uma otima atuação.
"– Às vezes o pessoal fala "pô, o cara pinta, o cara é modelo, o cara escreve"... eu não deixo nada disso atrapalhar meus treinamentos e meu rendimento dentro de campo. O dia em que estiver atrapalhando eu paro tudo porque o futebol é o mais importante pra mim."
Outro medo do jogador é a aproximação do encerramento de sua carreira. As 28 anos o jogador já conviveu com algumas lesões graves e o medo de não poder jogar. Nesses periodos buscou forças em outras atividades não fisicas, o que o ajudou muito. Mas afirma que está preparado.
"– Acontece com muitos jogadores que acabam que acabam se perdendo um pouco depois da aposentadoria por não se encontrar em outras atividades. Desse mal eu acho que não vou sofrer."
De uma coisa é certa, profissões não faltarão se acaso o jogador desistir da carreira de jogador.

Fonte: Globo esporte

Veja Mais:

  • Willians tinha contrato por empréstimo até o fim da temporada

    Willians se despede de companheiros e não joga mais pelo Corinthians

    ver detalhes
  • Chapecoense está na Libertadores de 2017; Corinthians segue lutando por vaga

    Conmebol confirma título à Chape, e Libertadores-2017 terá ao menos oito brasileiros

    ver detalhes
  • Muricy atualmente trabalha como comentarista no SporTV

    Corinthians convidou Muricy Ramalho para ocupar cargo na base

    ver detalhes
  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes