Timão praticamente triplica aproveitamento e já mira líderes

Timão praticamente triplica aproveitamento e já mira líderes

2.6 mil visualizações 8 comentários Comunicar erro

Por enquanto, discurso no Timão de Tite é o de cautela

Por enquanto, discurso no Timão de Tite é o de cautela

Foto: Alan Morici / Agência O Dia

Dia 4 de julho. O Corinthians conquista o título da Libertadores. Um marco para a história do clube, mas um marco também para o time no Campeonato Brasileiro. Naquele mesmo dia, o torcedor que olhasse a classificação do Nacional poderia se desesperar. Com apenas quatro pontos, o Timão ocupava a penúltima colocação da competição. Mas foi acabar o torneio continental para Tite colocar força máxima e o time embalar. Em seis jogos, são dez pontos conquistados e uma arrancada para a 10ª colocação.

'Nosso time já está voltando ao ritmo que está acostumado e isso nos dá confiança para o resto do campeonato', afirmou o goleiro Cássio.

A evolução corintiana está comprovada nos números da equipe após a Libertadores. O aproveitamento da equipe subiu de 22% para 61%, quase o triplo. O ataque foi quem mais evoluiu e a defesa voltou a passar jogos sem ser vazada, algo que não aconteceu nas primeiras rodadas.

'É bom não tomar gols. Nossa média no começo foi ruim, tomamos muitos gols. Agora diminuímos e a ideia é não levar mais gols', destacou o goleiro corintiano.

O discurso no Parque São Jorge ainda é de cautela. A prioridade declarada é se distanciar dos últimos colocados, mas isso já foi alcançado. O objetivo traçado internamente é buscar os líderes para brigar pelo título. O G-4, por exemplo, está apenas nove pontos de distância. Para que isso aconteça, todos sabem que o time precisa melhorar o desempenho como visitante. Até agora são cinco partidas, uma vitória, um empate e três derrotas. Domingo, contra o Bahia, o Timão tem a chance de começar esta outra arrancada.

'O primeiro objetivo era se afastar da parte de baixo. Agora, o objetivo é somar pontos em casa e buscar outros pontos fora para encostar nos líderes', ressaltou Cássio.

Os líderes começam a se preocupar, pois nada é impossível para o Corinthians de Tite.

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Léo Príncipe esteve perto de acertar com Vitória de Setúbal, de Portugal

    Portugueses desistem de empréstimo e adiam saída de Léo Príncipe do Corinthians

    ver detalhes
  • Marcello Deverlan (à esq.) durante treino com profissionais no CT Joaquim Grava

    De contrato renovado, zagueiro da base do Corinthians obtém cidadania portuguesa

    ver detalhes
  • Danilo Avelar realizou exames na tarde desta terça-feira em São Paulo

    Danilo Avelar é aprovado em exames e já fala como reforço do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians, da capitã Grazi, venceu mais uma no Brasileirão

    Em jogo com viradas e oito gols, Corinthians vence Ferroviária em Araraquara

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes