Corinthians inova entre campeões da Libertadores e exibe selo da taça no uniforme

Corinthians inova entre campeões da Libertadores e exibe selo da taça no uniforme

Corinthians inova entre campeões da Libertadores e exibe selo da taça no uniforme

Corinthians inova entre campeões da Libertadores e exibe selo da taça no uniforme

Do UOL, em São Paulo

O Corinthians encarou o Vasco neste domingo, em São Januário, com uma referência da Libertadores no uniforme. Foi colocado um selo na altura do peito com a imagem da taça da competição continental. Tradicionalmente, as equipes campeãs do torneio da América exibem o símbolo da Conmebol, em vez do troféu.

A imagem do troféu deverá estampar o uniforme até o fim da Libertadores de 2013.

O troféu da Libertadores segue cumprindo agenda lotada de eventos no Corinthians: compareceu a festas com famosos e foi pega por milhares de pessoas.

A última aparição da taça ocorreu na quinta-feira, em culto em São Paulo, onde ganhou a benção do Padre Marcelo Rossi. O troféu também já esteve na festa da torcida uniformizada Estopim da Fiel, foi levada ao programa do ex-jogador Neto, na Bandeirantes, e visitou o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva.

Palmeiras e Internacional, por exemplo, exibiram o logo da Conmebol no uniforme pouco após serem campeões da Libertadores, em 1999 e 2006, respectivamente.

Para o compromisso em São Januário, o Corinthians utilizou marca do grupo cultural AfroReggae no espaço nobre do uniforme. O clube paulista não cobrou para exposição da logomarca da ONG, que celebra 20 anos de fundação.

Foto: Reprodução/UOL

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes
  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes