Em incentivo aos jovens atletas, Thiago Pereira nada no Corinthians

Em incentivo aos jovens atletas, Thiago Pereira nada no Corinthians

Nesta quarta-feira, os jovens nadadores do Corinthians receberam a visita de Thiago Pereira, medalhista de prata nos 400 metros medley das Olimpíadas de Londres-12. O atleta, que defende as cores do clube paulista desde 2010, falou sobre a conquista na capital inglesa, distribuiu autógrafos aos fãs e nadou nas piscinas do Parque São Jorge, incentivando a prática do esporte.

Cerca de 50 alunos entre 7 e 12 anos de idade estiveram presentes no local. O Corinthians conta, atualmente, com uma equipe de 250 atletas além de uma escolinha com 1.100 crianças e jovens.

“Na idade deles eu via o Gustavo Borges e o Fernando Xuxa Scherer competindo e pensava em estar lá como eles. Batalhei muito, estive na seleção ao lado dessas feras, que me ensinaram muito, e com muita dedicação consegui chegar às principais competições do mundo e em três Olimpíadas. Falo isso porque sei que daqui alguns anos, algumas crianças podem estar no meu lugar. Por isso é preciso acreditar, sonhar e não desistir”, declarou o nadador.

A partir da próxima segunda-feira, dia 20 de agosto, Pereira vai disputar o torneio José Finkel de natação, no Sesi, em São Paulo. Ele começou a nadar profissionalmente aos 12 anos de idade, em Volta Redonda (RJ) e agora, aos 26 anos, é o maior campeão Pan-americano da história, com 12 medalhas de ouro. Thiago Pereira direciona seu foco para o Pan-americano de Montreal, em 2015, e para as Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro.

“Quero nadar em alto nível e fechar mais um ciclo olímpico com velocidade. Competir os Jogos em casa será mais do que especial e motivará muitos atletas. Quem sabe um desses jovens do Corinthians não se junte à seleção e suba no pódio no Rio de Janeiro”, ressaltou.

Também nesta quarta, antes de comparecer ao evento com as crianças, Thiago se encontrou com o presidente do Corinthians, Mario Gobbi, para quem mostrou a medalha de prata e recebeu, em troca, uma camisa com referência à conquista da Taça Libertadores e à medalha olímpica. “O Thiago é um vencedor. As pessoas acham que é fácil chegar lá, mas sabemos o trabalho que ele teve. Ganhar uma medalha olímpica é ótimo, mas vencer Michael Phelps é fantástico. É uma prata que vale ouro. A natação é o segundo esporte do clube e é uma satisfação contar com uma referência como ele. Vamos seguir na parceria e espero que ela traga cada vez mais títulos”, frisou Gobbi.

Fonte: Maratona

Veja Mais:

  • Pablo voltou a sentir dores na coxa e precisou deixar o gramado quarta-feira

    Pablo é diagnosticado com lesão e se torna desfalque do Corinthians

    ver detalhes
  • Clayson pode ser titular contra o Fluminense, mas outros estão no páreo.

    Sem Carille, definição do time titular do Corinthians no Rio é adiada

    ver detalhes
  • Pablo para por até seis semanas no Corinthians

    Médico do Corinthians explica lesão de Pablo e nega relação com contratura

    ver detalhes
  • Carille vive dia complicado nesta sexta-feira

    Carille sofre perda familiar, e Corinthians se solidariza com nota de pesar

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes