Paulo André pede punição a Neymar por simulação

Paulo André pede punição a Neymar por simulação

Zagueiro criticou a postura de Neymar no clássico do último domingo

Zagueiro criticou a postura de Neymar no clássico do último domingo

Foto: Reginaldo Castro / Agência O Dia

O atacante Neymar deveria ser punido pela arbitragem por simular faltas demais. O pedido foi feito pelo zagueiro Paulo André , do Corinthians , em entrevista coletiva concedida na manhã desta terça-feira.

'Dentro de campo, você pode fazer tudo, mas se fizer algo fora da regra, tem de ser punido, se ele (Neymar) quiser simular, que simule, e ele simula bastante, mas que seja punido', afirmou Paulo André. 'Que os árbitros assistam aos jogos, estudem e punam os jogadores. Isso é antijogo, é tentar ludibriar o público'.

O zagueiro corintiano coloca a culpa não nos jogadores que tentam confundir torcedores. Segundo ele, a responsabilidade é da arbitragem, que, além de não ter critérios, não pune o atleta que simula em campo. No clássico na Vila Belmiro, Neymar foi criticado por Tite por, supostamente, simular faltas.

'Qual juiz que tem coragem de expulsar quem simula duas, três vezes? Eu não conheço. Se punirem, em duas, três rodadas, ninguém simula mais. Cabe à comissão de árbitros punir. Mas aqui é vantagem simular, é o jogo do malandro, e a gente sabe que no Brasil, o jogo de malandro tem vantagem', analisou Paulo André.

Sobre Muricy Ramalho, que afirmou que o Corinthians não procura o gol, Paulo André disse que o técnico está equivocado, e que na época que o técnico dirigia o São Paulo, o time do Morumbi foi campeão com jogadas de bola área, três zagueiros e muita marcação. 'O Corinthians procura o gol, só que nosso sistema de marcação é efetivo', declarou.

Sobrou até para o lateral-esquerdo Léo, que disse que o a vitória do Santos por 3 a 2 provou que o time da Vila é melhor que o Corinthians. 'Depois de ganhar é fácil falar, somos os atuais campeões da Libertadores e Brasileiro. Vamos dar nossa resposta em campo', respondeu o corintiano.

Paulo André ainda considerou justa o afastamento do bandeirinha Emerson Augusto de Carvalho, que não marcou um triplo impedimento no segundo do gol do Santos, marcado por André, na Vila Belmiro.'Foi um erro grotesco, e espero que esses erros não se repitam no futebol profissional', disse.

As informações são do iG

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Jô marcou o gol da vitória do Corinthians

    Artilheiro Jô marca no fim, e Corinthians supera Chapecoense na Arena Condá

    ver detalhes
  • Jô assegurou vitória do Corinthians em Chapecó

    Líder absoluto, Corinthians abre dez pontos de diferença para segundo colocado

    ver detalhes
  • Léo Santos jogou no lugar de Balbuena, que está suspenso e machucado

    Prata da casa supera até Jô e é eleito craque da vitória do Corinthians sobre Chapecoense

    ver detalhes
  • Marquinhos Gabriel foi titular nesta quarta, mas não agradou a Fiel

    Após vitória do Corinthians, Fiel corneta Marquinhos Gabriel e indica preferência por Clayson

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes