Em boa fase no Corinthians, Paulinho vale 51 milhões de reais

Em boa fase no Corinthians, Paulinho vale 51 milhões de reais

9.7 mil visualizações 39 comentários Comunicar erro

Paulinho comemorando o gol pelo Corinthians

Paulinho comemorando o gol pelo Corinthians

SÃO PAULO - O volante Paulinho teve sua multa contratual dobrada para continuar no Corinthians. Foi uma das exigências do clube ao adquirir 50% dos direitos econômicos do jogador.

O novo valor da multa contratual é de 20 milhões (R$ 51 milhões), o que faz dele o jogador mais valioso do elenco do Corinthians - a multa era de 9 milhões (R$ 23 milhões).

Esse foi um valor aproximado que a Inter de Milão ofereceu para comprar Paulinho há pouco mais de um mês, antes do fechamento da janela de transferência e quase ele foi negociado.

O Corinthians ofereceu aumento para o jogador, que preferiu continuar até o Mundial de Clubes. O problema é que empresários de Paulinho acham que será muito difícil que ele não receba nova proposta em janeiro, uma vez que vem sendo convocado por Mano.

Paulinho está na lista para disputar o Superclássico das Américas. Ontem, ele correu em volta do gramado do CT, aparentemente recuperado de lesão que sofreu no jogo do Brasil contra a África do Sul. Ele não pega a Ponte, mas enfrenta o Palmeiras, no domingo.

Fonte: Estadão

Veja Mais:

  • Léo Príncipe esteve perto de acertar com Vitória de Setúbal, de Portugal

    Portugueses desistem de empréstimo e adiam saída de Léo Príncipe do Corinthians

    ver detalhes
  • Marcello Deverlan (à esq.) durante treino com profissionais no CT Joaquim Grava

    De contrato renovado, zagueiro da base do Corinthians obtém cidadania portuguesa

    ver detalhes
  • Danilo Avelar realizou exames na tarde desta terça-feira em São Paulo

    Danilo Avelar é aprovado em exames e já fala como reforço do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians, da capitã Grazi, venceu mais uma no Brasileirão

    Em jogo com viradas e oito gols, Corinthians vence Ferroviária em Araraquara

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes