Romarinho aposta na paciência: 'Os gols vão começar a sair'

Romarinho aposta na paciência: 'Os gols vão começar a sair'

Desde que Romarinho chegou ao Corinthians ficou fora de apenas um confronto no Brasileirão, e apenas por suspensão. Com 20 jogos no torneio, é o corintiano que mais finaliza certo (1,4, em média, por jogo). É também o atacante que conseguiu, na temporada inteira, ter a maior sequência (11 partidas) no time titular. Porém, todas essas qualidades são em vão, no momento, para o jovem de 21 anos.

Duas preocupações afligem a cabeça do introvertido, mas muito querido pela torcida, Romarinho: retomar as pazes com o gol e o temor de perder a sua vaga entre os onze principais. Com o tom de voz ameno, ele esboçou, ao MARCA BRASIL, sua tristeza por não conseguir transformar suas finalizações certas em gols. Com três tentos no torneio, o atacante não balança as redes há sete jogos. Confiante em uma recuperação imediata, já vislumbra se tornar um dos artilheiros do time, a começar com sua vítima favorita: o Palmeiras, no domingo.

Diante do Palmeiras, no primeiro turno do Nacional, Romarinho marcou dois gols na vitória por 2 a 1 e iniciou sua trajetória com o ‘pé direito’ no time titular do Timão.

'Tenho que ter paciência. Estou finalizando bastante, tenho tentando, mas não estou em uma fase muito boa. A bola não está entrando. É só continuar finalizando porque uma hora a oportunidade vai surgir e quando começar a sair gols, vão sair muitos', disse.

A falta de gols aflige o jovem atacante, ainda mais quando vê seus companheiros de posição retornando de lesões, como Jorge Henrique e Emerson, além dos estrangeiros Martínez e Guerrero, que têm ganhado espaço com Tite no dia a dia. Ele sabe que, mesmo com uma sequência grande no time, sua posição pode ficar ameaçada. Por isso, garante estar em evolução técnica para não desagradar Tite nem no treino, por um lance sequer.

'Tem muito atacante de qualidade, mas estou procurando meu espaço cada vez mais. Tem muitos jogadores e posso sair do time se for mal. Eu tenho ainda muito para crescer. Vou trabalhar em todos os treinos para conseguir', explicou.

O jovem, que virou xodó da Fiel torcida por ter marcado um gol sobre o Boca Juniors, na primeira partida da final da Libertadores, vislumbra, se mantiver o seu alto nível, ganhar mais espaço para seguir entre os onze titulares no Mundial de Clubes, no fim da temporada.

'Com certeza, tenho sempre que manter o melhor nível. Aqui no Corinthians tem que ser assim. E agarrar a oportunidade que vai dar certo', finalizou Romarinho.

Reportagem de André Pires e Felipe Piccoli

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Artilheiro do Brasileirão, Jô pode levar novo gancho do STJD

    Jô e Clayson, do Corinthians, voltam a ser julgados no STJD

    ver detalhes
  • Antonio Roque Citadini é candidato da oposição à presidência do Timão

    Em defesa à Arena, Citadini lembra crime fiscal de Andrés: 'Arrebentou com as finanças'

    ver detalhes
  • Pablo foi campeão paulista e brasileiro pelo Corinthians em 2017

    Corinthians volta a negociar com Pablo e pode contratá-lo para 2018, diz portal

    ver detalhes
  • Vasconcelos deve ter contrato estendido com o Timão até o fim de 2019

    Corinthians prepara extensão de contrato a artilheiro da Copinha

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes