Ex-corintiano Sebá Domínguez descarta clima amistoso e diz que Argentina sempre quer bater Brasil

Ex-corintiano Sebá Domínguez descarta clima amistoso e diz que Argentina sempre quer bater Brasil

394 visualizações 12 comentários Comunicar erro

Ex-corintiano Sebá Domínguez descarta clima amistoso e diz que Argentina sempre quer bater Brasil

Ex-corintiano Sebá Domínguez descarta clima amistoso e diz que Argentina sempre quer bater Brasil

O zagueiro Sebá Domínguez, do Velez Sarsfield e que atuou no Corinthians entre 2005 e 2007, descartou um clima de amistoso nos jogos entre Brasil e Argentina pelo Superclássico das Américas.

O defensor é um dos mais experientes do grupo convocado pelo técnico Alessandro Sabella e deve até ser o capitão na partida de quarta-feira, em Goiânia, no primeiro duelo. Ele disse que não há como um duelo entre os dois rivais não ser mais quente.

'Não, é difícil [clima amistoso]. Há muita responsabilidade, é uma partida que chama atenção de todos. Não perco um Argentina x Brasil, quero ver sempre, sempre. E para nós, jogadores que atuam na Argentina, ter esse tipo de chance é muito bom. Pois se queremos estar nas convocações para as eliminatórias e sonhamos jogar o Mundial, esses são os primeiros passos?, disse Sebá em entrevista ao jornal argentino Olé.

'É um jogo complicado, como sempre. É um campo muito grande, em que já joguei. Não podemos dar espaços para eles e nem ficar parado em linha, pois o Brasil tem jogadores que com espaços podem fazer a diferença?, falou.

Sebá disse ainda que é um prazer poder ter que marcar e frear jogadores como Luis Fabiano e Neymar. 'Para nós é ótimo enfrentar jogadores desse nível, como outros que também jogaram Mundial e atuaram na Europa.?

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Timão pode erguer troféu da Liga Ouro já na sexta-feira, na casa do São José

    Corinthians vence batalha com quatro prorrogações e fica a uma vitória do título da Liga Ouro

    ver detalhes
  • Maioria dos titulares de Loss já completou sétimo jogo no BR; Cássio e Fagner, sequer seis

    Doze corinthianos já completaram sete jogos no Brasileirão; veja quem ainda pode se transferir

    ver detalhes
  • Caetano tem 18 anos e estava no Botafogo

    Corinthians acerta contratação de zagueiro indicado por Barroca, técnico do Sub-20

    ver detalhes
  • Léo Jabá tem contrato de cinco temporadas com o FC Akhmat Grozny

    Jabá encaminha transferência à Grécia, e Corinthians pode ganhar mais de R$ 4 milhões

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes