Tite quer alívio para dar folga de olho no Mundial

Tite quer alívio para dar folga de olho no Mundial

De volta ao Corinthians após ter um dia a mais de folga, Tite teve pouco trabalho no campo durante o treino. Sob o comando dos preparadores físicos, os jogadores fizeram uma atividade física na academia e alguns foram para o campo realizar um circuito. Tudo isso para aproveitar a semana inteira sem jogo e dar andamento ao planejamento de olho no Mundial.

'Esse período ajuda os atletas que estão machucados a se recuperarem, como é o caso do Ramírez e do GUerrero. Além disso tem mais tempo para recondicionar o Jorge Henrique e dar um descanso para quem vem jogando', afirmou Tite.

A ideia da comissão técnica é dar um descanso o mais rápido possível para jogadores que trazer uma carga de jogos muito grande no ano. Um deles é Fábio Santos. Para isso, Tite exige que seu grupo alcance a marca de 45 pontos no Brasileiro para se livrar de qualquer perigo de rebaixamento. A preocupação é garantir que os atletas cheguem inteiros para o Mundial mesmo em fim de temporada.

'Sim, existe esse cuidado. Quanto mais rápido nós chegarmos na zona de segurança de 40 a 45 pontos, a gente pode pontuar alguns atletas individualmente para folgar e  estar em uma condição parecida de descanso e intensidade de meio e final da temporada', ressaltou.

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Jô passou em branco nesta noite de quarta, diante do Grêmio

    Corinthians não cria, apenas empata com Grêmio na Arena, mas mantém vantagem na liderança

    ver detalhes
  • Pablo está se recuperando de uma contratura muscular na coxa

    Agente de Pablo fala em prioridade do Corinthians e afirma: 'Só chamar para assinar'

    ver detalhes
  • Corinthians de Romero corre risco de ver Santos se aproximar

    Corinthians mantém diferença, mas tem de secar rival nesta quinta; veja classificação atualizada

    ver detalhes
  • Rodriguinho foi eleito o pior em campo

    Carille e dupla de meias são eleitos vilões de tropeço do Corinthians contra Grêmio

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes