Corinthians pede aval para vender produtos no Mundial

Corinthians pede aval para vender produtos no Mundial

Torcida do Corinthians no Japão vai poder comprar produtos do Corinthians

Torcida do Corinthians no Japão vai poder comprar produtos do Corinthians

O Corinthians pediu à Fifa para vender produtos e fazer projetos de marketing antes e durante o Mundial em dezembro. A intenção tem que ser oficializada porque a entidade tem regras rígidas de controle comercial sobre os torneios que organiza.

O principal interesse corintiano é ter uma ou mais lojas próximas, ou até dentro, dos estádios para a negociar produtos oficiais do clube. Normalmente, a Fifa administra essas lojas. O clube enviou para Zurique Bettina Carollo, gerente de negócios da ESM, empresa que administra parte dos projetos de marketing do Corinthians.

"Queremos, por exemplo, tentar criar mosaicos [torcedores segurando placas para formar a palavra "Timão" nos estádios. Isso requer planejamento, e precisamos saber com antecedência", disse Carollo.

Na apresentação dos times participantes do torneio, ontem, um mosaico escrito "Timão" apareceu no telão. "Adorei que apareceu ali, pode ser uma forma de convencê-los."

A Fifa informou que vai analisar o pedido de cada um dos clubes participantes. É de praxe, porém, que a comercialização e a realização do evento fique apenas com a entidade.

Os clubes têm direito a uma cota por participação, que aumenta com a colocação alcançada. O campeão, por exemplo, receberá US$ 5 milhões (R$ 10 milhões) e o vice US$ 4 milhões (R$ 8 milhões).

Surpresa

"A Fifa se surpreende porque não conhece o Corinthians. Se conhecesse, não ia se surpreender, mas [a Fifa] vai conhecer", disse o técnico Tite, hoje, quando instado a falar sobre a surpresa da entidade em relação à alta procura de ingressos para o Mundial.

Tite minimizou o sorteio que definiu as chaves da competição. "Não existe nenhuma definição, ninguém segura nada de maior facilidade ou dificuldade", disse. O time enfrenta o Sport, domingo à tarde, no Pacaembu.

Fonte: UmuaramaIlustrado

Veja Mais:

  • Juninho Capixaba foi um dos destaques do Bahia na temporada.

    Corinthians rejeita ceder três jogadores pedidos pelo Bahia em negociação por lateral

    ver detalhes
  • Romero foi imprescindível ao Corinthians na conquista do Paulistão e do Brasileiro em 2017

    Luan volta a exaltar Romero e relaciona venda de Arana ao paraguaio: 'Pode colocar na conta dele'

    ver detalhes
  • Dupla 'Renadson' brilhou no Corinthians no Brasileirão de 2015

    Renato Augusto rasga elogios a Jadson e faz projeção sobre futuro do camisa 10 no Corinthians

    ver detalhes
  • Romarinho se especializou em marcar gols contra o Palmeiras: cinco em cinco Dérbis

    Prestes a enfrentar Real Madrid, Romarinho leva Corinthians ao maior jornal da Espanha

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes