Guerrero e Martínez crescem e Tite ganha opções

Guerrero e Martínez crescem e Tite ganha opções

3.0 mil visualizações 11 comentários Comunicar erro

Guerrero em boa fase. Martínez aproveitando as chances que surgem. Jorge Henrique importante taticamente. Romarinho com estrela. Emerson, então, dispensa comentários. Tite tem diversos nomes para montar o ataque ideal do Corinthians. O duro é saber que, no máximo, três deles serão titulares na disputa do Mundial de Clubes, em dezembro, no Japão.

O treinador possui um esquema ideal na cabeça e, se depender da preferência dele, o time jogará com um centrovante. Assim, Guerrero pula na frente por ser o único com essa característica no elenco.

“O time precisava de um pivô, por isso foram me buscar na Alemanha (ele jogava no Hamburgo). Sempre joguei assim e venho trabalhando para ser titular”, explicou Guerrero.

Quem também tem bastante moral é Emerson, autor dos dois gols na decisão da Libertadores. Tite não imagina um time titular sem o Sheik. A questão é que o camisa 11, volta e meia, sofre com lesões e, como o Mundial é curto, não há tempo para recuperações.

Com os dois despontando na briga, resta uma vaga para três jogadores. Martínez, Romarinho e Jorge Henrique estão na disputa. O grande problema, pelo menos para eles, é que Tite pode armar um esquema no qual nenhum dos três atue.

Caso entre com Danilo e Douglas no meio de campo, o treinador fechará uma das vagas no ataque. “Não tem jeito, é esperar pela decisão do Tite”, concluiu Guerrero.

Brasileiro/ Como não há definição sobre quem são os titulares do setor, o Campeonato Brasileiro pode ser determinante para os atacantes. Martínez e Guerrero, por exemplo, vêm ganhando espaço com boas atuações na competição. No último jogo do time, contra o Botafogo, os dois foram fundamentais em campo.

“Para mim, o Campeonato Brasileiro ainda é importante. Principalmente na parte de preparação. Eu quero jogar contra o Sport, fazer três pontos e marcar gols. Para um atacante, é sempre muito importante fazer gols”, disse o peruano.

O problema é que, se Tite for levar em conta só os gols marcados, o time entrará em campo quase sem atacantes. O setor vem decepcionando. Emerson é quem mais balançou as redes no ano: 11 vezes. Romarinho fez cinco gols, Jorge Henrique, três, e Martínez e Guerrero, um.

Fonte: Diario de São Paulo - Blog Do Timao

Veja Mais:

  • Thiaguinho é um dos mais cotados a substituir Maycon no Corinthians

    Emprestados, contratação e opções no elenco: a 'volância' do Corinthians pós-Maycon

    ver detalhes
  • Ralf marcou o gol do Corinthians no empate de 1 a 1 contra o Deportivo Táchira

    Corinthians e Libertadores-2012 animam internautas após tropeço do Brasil na estreia da Copa

    ver detalhes
  • Maycon assinou com o clube ucraniano e já posou para fotos com a nova camisa que defenderá

    Maycon deixa Corinthians e assina contrato de cinco anos com Shakhtar Donetsk

    ver detalhes
  • Evento de Low Parking na Arena Corinthians

    Arena Corinthians volta a receber evento de carros personalizados; veja fotos

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes