Cruzeiro recebe proposta para enfrentar Corinthians no Acre e em outros dois estados

Cruzeiro recebe proposta para enfrentar Corinthians no Acre e em outros dois estados

Cruzeiro recebe proposta para enfrentar Corinthians no Acre e em outros dois estados

Cruzeiro recebe proposta para enfrentar Corinthians no Acre e em outros dois estados

por Gabriel Duarte

Obrigado a enfrentar o Corinthians longe da capital mineira, por causa da perda de mando de campo que passou de seis para quatro jogos, o Cruzeiro recebeu propostas financeiras para realizar a partida do dia 17 deste mês em outros três estados, entre eles o Acre. Porém, os jogadores devem optar novamente por Varginha, onde o clube tem mandados seus jogos no Campeonato Brasileiro.

Além do Acre, o Cruzeiro foi sondado sobre a possibilidade de levar o jogo com o Corinthians para Joinville (Santa Catarina), para uma cidade do Mato Grosso do Sul. A diretoria celeste recebeu a proposta na última semana de empresários, que não tiveram identidade revelada, e ainda não decidiu.

Porém, a diretoria deve voltar a ouvir os jogadores, que sinalizam preferir atuar em Varginha, como ocorreu nos empates com Vasco (1 a 1) e Internacional (0 a 0), primeiras partidas que teve de cumprir a suspensão. O duelo com a Portuguesa, marcado para o dia 10, será novamente no município do Sul de Minas, a mais de 300 quilômetros de Belo Horizonte.

'Esses jogos em Varginha quem decidiu fomos nós jogadores. A diretoria veio pedir a opinião e ficamos feliz por isso. Sem dúvida nenhuma vai acontecer novamente. Acho que o presidente vai descer e vai pedir nossa opinião. Temos que ver a situação do campo. Mas o mais importante é ficar perto do nosso torcedor?, ressaltou o volante Leandro Guerreiro.

A diretoria celeste não revela os valores que receberia para levar os jogos para outros estados, mas admite que seria financeiramente vantajoso. Entretanto, se o desejo dos jogadores é atuar perto dos torcedores, principalmente por causa da má fase do time (não vence há seis partidas), a opção por jogar em outro estado não deve agradá-los. Isso porque, a diretoria espera em qualquer uma das opções maior presença de corintianos.

O Cruzeiro perdeu seis mandos de campo por causa dos incidentes ocorridos durante o clássico com o Atlético-MG, em 26 de agosto. Porém, recorreu da sentença, e teve a punição diminuída para quatro jogos na última sexta-feira. O time já cumpriu metade, contra Vasco e Internacional.

Foto: UOL

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Jadson deve ser opção a partir da próxima quarta-feira, dia 1

    Jadson confirma que se colocou à disposição para enfrentar o Palmeiras e crava jogo da reestreia

    ver detalhes
  • Fellipe Bastos, à direita, deve retornar ao time; Léo Jabá é dúvida

    Corinthians terá ao menos uma mudança na escalação para encarar Palmeiras

    ver detalhes
  • Sanchez e Roberto de Andrade seguem aliados na política do Corinthians

    Fortalecido após veto do impeachment, Andrés Sanchez cogita voltar à presidência do Corinthians

    ver detalhes
  • Roberto de Andrade assumiu presidência do Corinthians em fev/2015 e segue até fev/2018

    Conselheiros barram votação do impeachment, e Roberto de Andrade segue presidente do Timão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes