Com 6 opções, Tite quebra a cabeça para armar o ataque do Corinthians

Com 6 opções, Tite quebra a cabeça para armar o ataque do Corinthians

Romarinho tem aproveitado as chances

Romarinho tem aproveitado as chances

Foto: Luiz Fernando Menezes / Agência O Dia

A cada partida a disputa fica ainda mais acirrada por uma vaga no sistema ofensivo do Corinthians. O jovem Romarinho, contra o Sport, com dois gols marcados, deu mais uma prova para seguir entre os onze titulares até a disputa do Mundial. Contudo, qual o ataque ideal do Timão, já que o técnico Tite nunca teve todos os avantes à disposição depois da conquista da Libertadores?

Com Guerrero muito elogiado por Tite, e Romarinho brilhando, Emerson Sheik ficaria entre os reservas quando puder atuar, livre de sua punição? A dúvida paira na cabeça do técnico a pouco mais de dois meses para a disputa do torneio no Japão. É bom, então, os jogadores correrem contra o tempo para garantirem seu espaço na equipe, já que um dos três perderá a vaga. Isso porque Danilo e Douglas estão um passo a frente dos rivais na briga por posição no ataque. Os dois são hoje peças fundamentais para o esquema alvinegro.

O MARCA BRASIL apurou, com membros da comissão técnica, que a ideia de Tite para formar seu ataque ideal no momento é utilizar Emerson, pela esquerda, e Guerrero, como pivô, além de Danilo, aberto na direita, e Douglas, com o homem de criação. Então, apesar de sua fase de artilheiro, Romarinho pode perder sua vaga no time na possível escalação para a disputa do Mundial. Martínez e Jorge Henrique seguem como opções no banco de reservas.

O peruano Guerrero, que arrancou elogios após a vitória por 3 a 0 sobre o Sport, tem confiança na sua escalação para a disputa do torneio no Japão.

'Chegaremos muito bem ao Mundial. O Tite terá dificuldade em montar o time, tamanha a qualidade dos jogadores. Mas tenho confiança de que consigo uma vaga', disse o camisa 9, que desfalcará o time por três rodadas no Brasileiro (Flamengo, Portuguesa e Cruzeiro) para defender o Peru nas Eliminatórias Sul-Americanas à Copa 2014.

'A equipe retomou a virtude de saber jogar com uma referência. Ele jogou muito de novo, o que me deixa contente', comentou Tite sobre Guerrero após o duelo contra o Sport.

A boa dor de cabeça de Tite tem mais onze jogos para ser solucionada, e com Romarinho decolando com boas atuações, o bom problema pode aumentar e mudar a ideia atual do técnico corintiano.

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Corinthians e Ponte empataram em 1 a 1 em duelo válido pela fase de grupos do Paulistão

    'Desacreditados', Corinthians e Ponte Preta abrem neste domingo final do Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Universidade Brasil firmou acordo com Corinthians para primeiro jogo da final estadual

    Corinthians anuncia patrocínio pontual para final do Paulistão; veja como fica a camiseta

    ver detalhes
  • Alan Mineiro não volta ao Corinthians em 2017

    Corinthians empresta Alan Mineiro para quarto clube diferente em menos de um ano

    ver detalhes
  • Casuals foi derrotado nos pênaltis neste sábado; próxima temporada só em agosto

    Nos pênaltis, Corinthian-Casuals perde final e adia sonho de subir de divisão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes