Corinthians ignora o Z-4 e quer ganhar

Corinthians ignora o Z-4 e quer ganhar

O time do Corinthians vai receber o Bahia hoje no Pacaembu poupando alguns de seus principais jogadores. Mas engana-se quem associa o fato à rivalidade do Timão com o Palmeiras - adversário direto do tricolor baiano na luta contra o rebaixamento.

Os jogadores serão poupados em razão do Mundial de Clubes e a briga pelas vagas fora do Z-4 não parece afetar os planos do alvinegro paulista. A derrota contra o Bahia prejudicaria o Palmeiras , mas, segundo o gerente de futebol do Corinthians , Edu Gaspar, o time não está preocupado com quem vai ganhar ou cair para segunda divisão.

“Estamos pensando apenas no nosso planejamento. Vamos entrar em campo para fazer um grande jogo contra o Bahia . Não pensamos se vamos ajudar ou prejudicar alguém”, afirmou Edu Gaspar.

Um triunfo corintiano pode embolar a disputa na parte de baixo da tabela da Série A do Campeonato Brasileiro . O Bahia , 16º colocado, é o primeiro time acima da linha vermelha, com 35 pontos. O Palmeiras , 17º, tem 29. No sábado, a equipe do Palestra Itália enfrenta o Cruzeiro , em Araraquara. Caso os dois rivais paulistas vençam, a distância entre o tricolor baiano e o Alviverde paulista cairá para três pontos.

O time do Corinthians até já “ajudou” o arquirrival nas últimas rodadas da Série A vencendo o Sport (3 a 0) e o Flamengo (3 a 2).

Dos jogadores considerados titulares, serão preservados no jogo de hoje, às 18h30, os laterais Alessandro e Fábio Santos , o zagueiro Paulo André e os volantes Ralf e Paulinho. No entanto, o zagueiro Chicão, o meia Ramírez e os atacantes Martinez, Guerrero e Jorge Henrique devem ser utilizados no fim de semana.

Além dos poupados, o meia Danilo virou desfalque após levar um pisão no calcanhar no jogo contra o Cruzeiro , na última quarta, e receber três pontos no local. O Corinthians volta a usar sua equipe considerada titular na próxima rodada, contra o Vasco , dia 27, no Pacaembu.

Fonte: Esp Brasil

Veja Mais:

  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes
  • Golaço de Marlone sobre Cobresal rendeu a ele indicação ao Puskás

    Marlone supera Messi e Neymar e vai à final do Prêmio Puskás da Fifa

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes