Ramírez luta por uma vaga no Mundial

Ramírez luta por uma vaga no Mundial

Restando pouco mais de um mês para o Mundial de Clubes, a disputa para assegurar um lugar na competição fica cada vez mais acirrada no Corinthians.

Uma vaga até então garantida, porém, pode estar sobrando. Antes considerado favorito para integrar a delegação, Ramírez perdeu espaço no Timão.

Nos últimos 76 dias, ele vestiu a camisa da equipe por apenas 13 minutos, contra São Paulo (11) e Náutico (2). Curiosamente, é o mesmo tempo que o chinês Zizao teve para mostrar serviço no jogo com o Cruzeiro.

Nos treinos, o rendimento do peruano não vem correspondendo às expectativas da comissão técnica, fato que acabou afastando Ramírez da equipe.

Para completar, o peruano não tem contado com a sorte nesta temporada. Quando os seus principais rivais na briga por posição estavam machucados ou suspensos, ele não pôde defender o Corinthians porque teve de servir o seu país nas Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014.

Independentemente do motivo, a falta de chances tem irritado o jogador. Com contrato até o fim de 2014, ele reclamou da sua situação no Corinthians na última vez em que viajou com a seleção peruana.

“O mais provável é que eu saia no fim da temporada. No momento, preciso ficar até o fim do ano, mas vamos ver. O clube tem o Mundial ainda. De repente, as coisas mudam. Não sei o que vai acontecer. Porem, se nada mudar, provavelmente eu tenha de trocar de clube. Um jogador sempre quer ter continuidade e desejo jogar”, disse o meia, bastante incomodado, no Peru.

Passado/ Esta não é a primeira vez em que Ramirez se vê em situação complicada no Timão. Contratado em 2011, o meia fez boa estreia pelo clube. Em janeiro, contra o São Bernardo, pelo Paulistão, marcou um golaço no empate por 2 a 2.

Porém, quando parecia cair nos braços da Fiel torcida, o peruano virou alvo de críticas. No confronto diante do até então desconhecido Tolima, da Colômbia, ele foi expulso e considerado um dos vilões pela eliminação na pré-Libertadores. Muitos pediram até a sua saída do clube e a redenção só veio com um gol marcado contra o Ceará, em partida decisiva para a conquista do Brasileirão.

Fonte: RedeBomDia

Veja Mais:

  • Farfán foi companheiro de Guerrero na seleção do Peru

    Jornalista revela interesse do Corinthians em atacante peruano

    ver detalhes
  • Camisa a ser usada pelo Corinthians contra o Cruzeiro tem escudo da Chapecoense

    Em ação no Twitter, Corinthians exibe uniforme em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Equipe feminina do Timão foi ao CT Joaquim Grava no início de novembro

    Corinthians renova parceria com Audax e confirma equipe feminina para 2017

    ver detalhes
  • Castán posta foto com taça do penta e recebe pedidos para voltar; veja

    Castán posta foto com taça do penta e recebe pedidos para voltar; veja

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes