Fifa espera 20 mil corintianos no Mundial de Clubes, no Japão

Fifa espera 20 mil corintianos no Mundial de Clubes, no Japão

SÃO PAULO - A pouco mais de um mês do início do Mundial de Clubes, a "invasão corintiana" no Japão se torna algo real. A Fifa informou ao Corinthians que dobrou sua previsão inicial de torcedores que acompanharão os jogos do time. O número passou de dez para 20 mil por partida.

A notícia foi repassada ao clube na semana passada, quando a entidade que organiza a competição informou que fará, no próximo dia 11, a venda de um novo lote de ingressos pela internet.

Na primeira carga de bilhetes, a Fifa informou que haviam sido vendidas pouco mais dez mil entradas pela internet aos torcedores que moram no Brasil. Mas esse número será engrossado também por torcedores do Corinthians que vivem no Japão.

Para atender a essa demanda de torcedores que vão acompanhar o time no Mundial, a diretoria vai abrir ao público os treinos do time nas cidades de Nagoya e Yokohama. As datas serão informadas em breve pelo site clube.

O gerente de futebol Edu Gaspar, em conjunto com a comissão técnica, ainda não definiu quais os treinos serão abertos ao público. A ideia é que sejam dois, um em cada cidade. "Aguardo essa definição da comissão técnica porque queremos liberar os treinos com bola, que possam ser mais interessantes para o nosso torcedor", disse Gaspar.

Em Nagoya, o Corinthians treinará em um CT que pertence a um clube modesto do futebol japonês e que disputa divisões inferiores. Mas, segundo o gerente de futebol, a estrutura do local é ótima e acomoda cerca de 3,5 mil pessoas na arquibancada. Já em Yokohama, o time treinará em um CT, usado por seleções na Copa do Mundo de 2002, com capacidade para 5 mil pessoas.

O Corinthians permanecerá em Nagoya entre os dias 6 e 12 de dezembro, data do primeiro jogo (semifinal) no Mundial de Clubes - a partida, no entanto, será disputada em Toyota. Depois o time vai até Yokohama, onde ficará entre os dias 13 e 16, data de uma possível (e aguardada) final contra o Chelsea.

Lembrando que o são paulo levou 5 mil pessoas e o santos 3 mil pessoas ao japão

Fonte: Estadão

Veja Mais:

  • Michel (à esq.) e o sobrinho foram ao Maracanã naquele 23 de outubro

    Terceiro corinthiano solto no Rio desabafa: 'Fui pra ver o jogo, não pra brigar'

    ver detalhes
  • Torcedores na Arena poderão adicionar patch da Chapecoense em camisas

    Loja da Arena irá personalizar grátis camisas em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Corinthians já definiu profissionais que devem permanecer e ser negociados

    Isaac, Mendoza, Oswaldo... Confira quem chega e quem sai do Corinthians

    ver detalhes
  • É tudo política, estúpido!

    [Marco Bello] É tudo política, estúpido!

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes