Corinthians treina, e Chelsea se enche de finais até o Japão

Corinthians treina, e Chelsea se enche de finais até o Japão

Chelsea está jogando a Champions League e o Inglês ao mesmo tempo

Chelsea está jogando a Champions League e o Inglês ao mesmo tempo

Foto: Reuters

O Chelsea enfrentará o Shakhtar Donetsk pela Copa dos Campeões, dia 7 de novembro, e o Corinthians estará treinando para cumprir tabela contra o Coritiba. Três dias depois, o time de Londres pega o Liverpool pelo Inglês, mesmo dia em que o Corinthians enfrenta o Coritiba.
Até o Mundial de Clubes, Corinthians e Chelsea, os únicos garantidos nas semifinais do torneio, terão caminhos completamente diferentes.

O Corinthians terá apenas cinco partidas até a estreia no torneio, dia 12 de dezembro, todas válidas pelo Brasileiro. O time só cumprirá tabela e usará a reta final justamente para definir a equipe titular.

Ao mesmo tempo, o Chelsea estará atolado em clássicos, duelos decisivos pela Copa dos Campeões e jogará até o dia 8 de dezembro pelo Campeonato Inglês (é o líder), quando o Corinthians já estará em terras orientais.

Fará, ao todo, mais 11 partidas por campeonato nacional, Copa dos Campeões e Copa da Liga Inglesa. Enfrentará Manchester United, Manchester City e Liverpool, três dos mais tradicionais rivais.

Além de liderar o campeonato local, o Chelsea corre para evitar a tragédia de ser eliminado ainda na primeira fase da Copa dos Campeões, título que defende.
A equipe dos brasileiros Oscar, David Luiz e Ramires viu o sinal de alerta se acender após derrota para o Shakhtar: é o segundo colocado do grupo com quatro pontos, três a menos do que o Shakhtar, e apenas um a mais em relação à Juventus.

Exatamente por isso o time londrino declara abertamente que ainda não tem cabeça para pensar no Mundial, como disse David Luiz no último dia 9. "Ainda não pensamos no Mundial. Temos muitos jogos importantes na Inglaterra e na Copa dos campeões. Mas será legal".

Enquanto isso, o Corinthians só pensa no torneio interclubes desde que cumpriu sua meta no Brasileiro.

Tite, porém, rechaça que o Corinthians tem um caminho mais suave até o Japão. O time terá dois clássicos nas duas últimas rodadas, motivo mais do que suficiente, segundo o treinador, para manter o elenco todo pilhado.

"Perde para o Santos pra tu ver o que vai acontecer! Perde para o São Paulo na última rodada pra tu ver se o mundo não cai na tua cabeça", disse o técnico à Folha.

Além de Coritiba, Santos e São Paulo, o Corinthians também pega o Atlético-GO, no próximo domingo, e o Inter. A cada partida haverá um intervalo de uma semana.

"Não existe essa de vida fácil, não. O jogo contra o Inter vai ser dureza, e clássico é sempre um campeonato à parte", completou Tite.

Os outros adversários do Mundial também correm. Ainda há três vagas abertas para o torneio --o campeão africano só sai em 18 de novembro, e o japonês, em 1º de dezembro, ambos possíveis adversários do Corinthians.

Fonte: Folha de Sp

Veja Mais:

  • Rodriguinho foi um dos destaques do duelo na Arena; arbitragem bastante questionável

    Juiz 'esquece' pênaltis, Corinthians para na retranca do Vitória e perde a primeira no Brasileirão

    ver detalhes
  • Jô teve atuação discreta na derrota para Vitória

    Cássio é eleito destaque de derrota do Corinthians; quarteto ofensivo destoa

    ver detalhes
  • Arena Corinthians recebeu 42.075 pagantes nesta tarde de sábado

    Fiel canta na Arena após primeira derrota do Corinthians no Brasileirão

    ver detalhes
  • Balbuena está fora do confronto de quarta-feira

    Balbuena leva terceiro amarelo, e Corinthians enfrentará Chape com zaga de jovens da base

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes