Time de clássico testa ataque do Corinthians para Mundial

Time de clássico testa ataque do Corinthians para Mundial

Danilo fará parte do quarteto ofensivo

Danilo fará parte do quarteto ofensivo

Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians

- Douglas, Danilo, Emerson Sheik e Guerrero. Se esse quarteto ofensivo for bem no clássico contra o São Paulo, o time que vai estrear no Mundial do Clubes, dia 12, estará pronto.

A equipe que vai ao Japão será escalada com dois meias e dois atacantes, sendo um deles, Guerrero, o pivô. O clássico com o São Paulo será o teste final dessa equipe escalada no 4-4-2 - ou 4-1-4-1, como prefere Tite.

No último treino coletivo, o que definiu a escalação para o clássico, o treinador montou o time dessa maneira. Como foram raras as chances de ele escalar esses quatro jogadores juntos, Tite considera importante colocá-los em campo hoje.

Ainda que pese o risco de lesão, o mais importante, na visão do treinador, é que essa "tropa ofensiva" ganhe ritmo e entrosamento, principalmente dois deles: Emerson e Guerrero.

"Esse entrosamento não é problema e ele vem rápido, nós dois já treinamos juntos e ainda teremos o clássico contra o São Paulo, além de um período de treinos no Japão", disse Emerson.

Esses quatro jogadores, todos experientes, atuaram juntos apenas em uma partida, contra o Internacional, e somente por cerca de 15 minutos. Hoje será a primeira chance de vê-los em ação como titulares.

Tite arquitetou essa formação lá atrás, assim que venceu a Libertadores e a diretoria contratou Guerrero, que estava no Hamburgo. Ganhar a Libertadores sem um centroavante fixo foi obra do acaso - Liedson estava mal e, por isso, virou reserva.

"Vocês vêm acompanhando que o Tite usou o Brasileirão em busca da formação ideal, isso foi interessante para a preparação do time. Acho que o time está pronto, se vai ser campeão mundial não sei", afirmou Emerson.

A indefinição quanto ao quarteto ofensivo deveu-se também à quantidade de jogadores que Tite tem à disposição do meio de campo para a frente.

Três atacantes no banco. Ao confirmar que o time vai atuar com Danilo, Douglas, Emerson e Guerrero, Tite colocará três atacantes no banco de reservas: Burrito Martínez, Romarinho e Jorge Henrique.

O treinador não descarta que um deles possa entrar no lugar de um dos meias, mas isso seria uma opção para o segundo tempo - ou no caso de um dos meias não poder atuar.

Do meio para trás, o time está definido e hoje só Paulo André está fora porque sentiu um incômodo na panturrilha. Colocá-lo em campo seria um risco.

Mais do que tirar conclusões sobre sua equipe, Tite disse que espera hoje por uma atuação convincente do time. Segundo ele, seria a maneira de provar que sua ideia estava certa, a de não abandonar o Brasileiro após a conquista da Libertadores.

O antiexemplo foi o que Santos fez ano passado, quando atuou com reservas nas rodadas finais do Brasileirão - embora ninguém no Corinthians admita isso publicamente.

Se vencer o clássico desta tarde, o Corinthians terminará o Campeonato Brasileiro em quinto lugar, atingindo 60 pontos - o que não é pouco para uma equipe que jamais fez da competição sua prioridade.

Corinthians terá Douglas, Danilo, Emerson e Guerrero, o quarteto ofensivo que Tite prepara para levar ao Japão

Fonte: Estadão

Veja Mais:

  • Corinthians optou por não utilizar redes sociais em respeito ao momento

    Corinthians suspende redes sociais em dia de velório coletivo da Chapecoense

    ver detalhes
  • Oswaldo defendeu utilização da cor verde em homenagem à Chapecoense

    Oswaldo comenta tragédia da Chapecoense e é mais um a defender cor verde no Corinthians

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians se despediu da Arena no empate por 0 a 0 com o Atlético-PR

    Maior do país, público do Corinthians é duas vezes a média do Brasileirão 2016

    ver detalhes
  • Sala de cabines de TV da Arena passa a ser chamada Lilácio Pereira Jr.

    Corinthians batiza sala de transmissões da Arena em tributo a vítima de acidente

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes