Corinthians sofre para se adaptar ao fuso e ao frio

Corinthians sofre para se adaptar ao fuso e ao frio

Corinthians sofre para se adaptar ao fuso e ao frio

Corinthians sofre para se adaptar ao fuso e ao frio

Controlar o sono dos jogadores está sendo o principal desafio do departamento médico do Corinthians nesses primeiros dias de estadia no Japão. Na quinta-feira, por exemplo, logo após o desembarque da delegação no hotel em Nagoya, os atletas receberam uma medicação para forçar que todos dormissem. A equipe veio de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, onde ficou por um dia, e a diferença para o Japão são de cinco horas - o voo até Tóquio demorou mais de nove horas.


Nesta sexta-feira, após o treino, nova intervenção dos médicos no sono do jogadores. Ao invés do tradicional cochilo depois do almoço, os atletas foram obrigados a passear em um shopping de Nagoya. O objetivo era que todos chegassem cansados ao fim do dia e dormissem uma noite de forma interrupta para poderem treinar bem neste sábado.

Toda a programação da equipe corintiana foi montada a fim de que os efeitos do fuso horário de 11 horas entre o Japão e o Brasil fossem minimizados e não interferissem mais no corpo dos atletas já a partir do terceiro dia em solo japonês.

Outro fator complicador para a adaptação completa dos jogadores é o frio. Nesta sexta-feira, o time treinou sob a temperatura de 5ºC. Por causa do vento e do clima seco, a sensação térmica era ainda pior. Assim, a orientação do departamento médico é que os atletas bebam bastante água, até mesmo quando não estiverem com sede.

O primeiro treino da equipe no Japão foi leve, apenas para que os atletas 'tirassem o peso' da longa viagem até a Ásia. Os jogadores fizeram um trabalho físico para aquecer e um exercício de posse de bola e posicionamento em campo reduzido antes de treinarem cruzamentos e finalizações para irem pegando o jeito de bater na bola que será usada no torneio. Será a Cafusa, lançada pela Adidas na semana passada, durante o sorteio da Copa das Confederações, em São Paulo.

A partir de domingo, quando os médicos esperam que os atletas já estejam totalmente habituados ao horário do Japão, a equipe passa a treinar à tarde e à noite para os jogadores irem se habituando à temperatura que encontrarão durante a partida. O Corinthians estreia na quarta-feira no Mundial, em jogo que começa às 19h30 (8h30 no horário de Brasília).

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Torcedora perderá o primeiro após 93 jogos

    Horário faz torcedora perder primeiro jogo na Arena Corinthians desde 2014: 'Frustrante'

    ver detalhes
  • Fausto Bittar Filho era diretor da base da Corinthians

    Ex-diretor da base fala ao Meu Timão: 'Só peço que não retroceda o que estava sendo feito'

    ver detalhes
  • Jogador descartou qualquer tipo de negociação com o Corinthians

    Tardelli abre o jogo sobre retorno ao Brasil e avalia sondagem do Corinthians

    ver detalhes
  • Pedrinho é a grande novidade entre os titulares

    Apostando na força da base, Corinthians recebe o Red Bull Brasil na Arena

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes