'Vou para o tudo ou nada', diz Paolo Guerrero

'Vou para o tudo ou nada', diz Paolo Guerrero

O atacante peruano Paolo Guerrero, do Corinthians, garantiu que participará da estreia do time no Mundial de Clubes da Fifa, na próxima quarta-feira, no estádio de Toyota, no Japão. "Nos últimos dias, eu me submeti a um tratamento médico, inclusive com infiltrações, e estou pronto para a partida", disse Guerrero. "Vale tudo para disputar um campeonato mundial, ainda mais pelo Corinthians", completou o jogador. O Corinthians enfrentará o vencedor da disputa entre o time egípicio Al Ahli e o japonês Hiroshima San Fracce, que acontece neste domingo às 6h30, no horário de Brasília.
Guerrero participou normalmente do treino corintiano no estádio Wave, em Karyia, nos arredores de Nagoia, e foi um dos mais ovacionados pela torcida. Os cerca de 700 torcedores presentes não pararam de gritar um minuto durante a sessão de treinos. Como há muitos imigrantes peruanos vivendo no Japão, o atleta foi um dos mais requisitados para autógrafos.

"Já estou correndo e posso chutar e a tendência é melhorar ainda mais na semana que falta para a nossa estreia", disse. "Levei um susto, rezei um bocado, mas agora estou quase pronto para jogar por este time fantástico", afirmou ele, que sofreu um estiramento muscular no joelho direito na partida contra o São Paulo, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Normalmente, quando um jogador sofre esse tipo de lesão demora de 15 a 20 dias para se recuperar. Se seguisse o mesmo ritmo, Guerrero ficaria fora do Mundial de Clubes da Fifa, a exemplo do zagueiro do Chelsea, o inglês John Terry, que está cortado da competição.

Questionado por VEJA.com se a falta de entrosamento com Emerson, com quem deverá formar a dupla de ataque do Corinthians, atrapalharia - visto que os dois só estiveram juntos em uma partida oficial durante 16 minutos -, Guerrero preferiu apostar na experiência de ambos. "Somos jogadores rodados e estamos começando a nos entender bem em campo. A torcida corintiana pode ter fé, que nós faremos de tudo por este título", afirmou.

Fonte: Veja

Veja Mais:

  • Jadson e Jô ficam no Brasil e não viajam com o elenco

    Sem três titulares, Corinthians divulga relacionados para viagem à Colômbia

    ver detalhes
  • Romero levou cartão amarelo contra o Grêmio

    Com nova suspensão, Corinthians tem desfalque confirmado para 11ª rodada do Brasileirão

    ver detalhes
  • Jogadores do Corinthians comemoraram (e muito!) gol de Jadson na Arena do Grêmio

    Paulo Roberto dá show, Cássio pega pênalti, Corinthians vence Grêmio e dispara rumo ao hepta

    ver detalhes
  • Comemoração do pênalti defendido pelo Cássio

    Na redação da Band, Neto comemora pênalti defendido por Cássio: 'AQUI É CORINTHIANS P...'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes