Paulinho torce para a temperatura subir na estreia

Paulinho torce para a temperatura subir na estreia

Nagoya, no Japão - O sinal de alerta ligado nos corintianos com a possibilidade de neve na estreia do Corinthians, quarta-feira, diante do Al Ahly, do Egito, em Toyota, faz Paulinho torcer fervorosamente para a temperatura subir para não atrapalhar os corintianos na primeira partida do Mundial de Clubes. A experiência de ter atuado na Polônia, em temperatura baixas, faz com que o volante saiba o tamanho da dificuldade atuar com neve em campo.

'Tive uma experiência na Polônia. Eu não gosto muito não. É difícil de atuar. Quando tinha jogo com neve, eles passavam pomada e não adiantava. Nada esquenta', explicou o camisa 8 do Timão, que passou pelo Łódzki Klub Sportowy, da Polônia, de 2007 até 2008.

Mas caso o tempo não ajude e neve em Toyota, Paulinho sabe, pela experiência, a receita para passar aos seus companheiros que nunca enfrentaram uma temperatura tão baixa em uma partida. 

'Tem que se adaptar o mais rápido possível dentro da partida porque se você demora para entrar no jogo fica muito mais difícil', finalizou. 

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Giovanni Augusto treinou como lateral nesta terça-feira

    Giovanni na lateral, mudança na zaga e susto de Rildo: o treino desta terça do Corinthians

    ver detalhes
  • Índio deu a vitória ao Corinthians/UNIP

    Com gol no fim, Corinthians vira para cima do Sorocaba e se aproxima do título nacional

    ver detalhes
  • Terceiras camisas de Corinthians e Boca Juniors chamam atenção pela semelhança entre si

    Corinthians 'inspira' Boca Juniors, e time argentino lança camisa quase igual

    ver detalhes
  • Oya é um dos destaques do Timão na disputa no Sul do Brasil

    Timão joga bem, mas não impede segunda derrota na Copa Internacional Sub-20

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes