FIFA: Mata: "Estamos muito tristes"

FIFA: Mata: "Estamos muito tristes"

FIFA: Mata: "Estamos muito tristes"

FIFA: Mata: "Estamos muito tristes"

A derrota para o Corinthians na final da Copa do Mundo de Clubes da FIFA Japão 2012, no último domingo, continua incomodando os jogadores do Chelsea. Em sua chegada à Inglaterra, o meia Juan Mata, um dos principais destaques do time, ressaltou o sentimento de tristeza dele e de seus colegas após o revés no Estádio Internacional de Yokohama.

'Nós viemos ao Japão para tentar ganhar este troféu e, no final, não fomos campeões. O Corinthians ganhou e estamos realmente tristes', admitiu o espanhol ao site oficial do clube inglês. 'Eles foram muito competitivos. Tivemos chances de marcar três vezes, mas não foi possível', lamentou.

No entanto, de acordo com Mata, 'descanso' é a receita para que os Blues se recuperem neste restante de temporada. 'Nós estamos realmente tristes, mas temos que descansar o máximo possível para o jogo desta quarta-feira', disse o atleta, referindo-se à partida contra o Leeds United, pela Copa da Liga.

Para Mata, todos do Chelsea querem o título desta competição. 'Nós temos que continuar em frente, tentando ganhar o máximo de jogos possíveis. O jogo contra o Leeds vai ser difícil, mas temos que tentar ganhar. Queremos este título, já que o Chelsea é um clube grande', finalizou.

Fonte: FIFA

Veja Mais:

  • Farfán foi companheiro de Guerrero na seleção do Peru

    Jornalista revela interesse do Corinthians em atacante peruano

    ver detalhes
  • Camisa a ser usada pelo Corinthians contra o Cruzeiro tem escudo da Chapecoense

    Em ação no Twitter, Corinthians exibe uniforme em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Equipe feminina do Timão foi ao CT Joaquim Grava no início de novembro

    Corinthians renova parceria com Audax e confirma equipe feminina para 2017

    ver detalhes
  • Castán posta foto com taça do penta e recebe pedidos para voltar; veja

    Castán posta foto com taça do penta e recebe pedidos para voltar; veja

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes