Tite: "Agora quero chimarrão, churrasco e caipirinha bem grande"

Tite: "Agora quero chimarrão, churrasco e caipirinha bem grande"

Tite: "Agora quero chimarrão, churrasco e caipirinha bem grande"

Tite: "Agora quero chimarrão, churrasco e caipirinha bem grande"

Da Redação, com Rádio Bandeirantes

Campeão brasileiro, continental e agora mundial. Ídolo da fiel e marcado para a eternidade na história corintiana como o comandante desta geração vitoriosa do clube paulista. Adenor Leonardo Bacchi, o Tite, só tem a agradecer pelo momento que vive. Durante o desfile em trio elétrico nesta terça-feira, após o desembarque da delegação do Corinthians na volta do Japão, o treinador descreveu seu sentimento em um momento tão festivo.

Segundo Tite, a emoção pela conquista é algo único em sua trajetória como técnico. 'É uma emoção que na primeira vez na minha carreira tenho o direito de sentir. Campeão do mundo, não há nada maior que isso. Nunca havia subido em um carro de bombeiro, essa emoção do torcedor é indescritível. Vou levar para o resto da minha vida?, disse o treinador, a Rádio Bandeirantes.

O comandante alvinegro continuou descrevendo a emoção que sentiu em Yokohama, após o apito final. 'Eu tenho a visão de todo o estádio. O estádio era preto e branco. O que tinha de azul era um azul que não emocionava, o que pulsava era o preto e branco. A outra imagem é na volta olímpica, peguei a taça e minha família estava muito perto. Eu fui até a beirada para chegar perto deles, da minha esposa, do meu filho e da minha filha?, revelou.

Questionado sobre as críticas que recebeu há tempos, anteriores às conquistas, Tite foi direto. 'Responder para alguém que não acredita é muito pequeno, tenho que dar valor a quem acreditou em mim?. E continuou, dizendo o que espera para os próximos dias. 'Eu quero passar uma semana como torcedor, ir para casa, pegar os jogos e ficar ouvindo vocês (da Rádio Bandeirantes). Sentir a emoção do torcedor. Quero curtir com churrasco, chimarrão e uma caipirinha bem grande?, disse, bem-humorado.

Finalizando, Tite deixou um agradecimento especial a torcida corintiana. 'Obrigado pelo carinho, com minha família, com minha mãe. Muitas pessoas estavam falando dela. Tenho muito orgulho de ser treinador do Corinthians, um clube extraordinário?, completou.

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Carlinhos marcou o seu décimo gol na competição

    Corinthians atropela Juventus na semifinal da Copinha e busca pelo décimo título

    ver detalhes
  • Filipe recebeu a maior nota da Fiel após partida contra o Juventus

    Disputa de craque da partida fica dividida entre goleiro e meia-atacante do Corinthians

    ver detalhes
  • Brendon teria nascido em 1994 e não em 1997 como diz seus documentos

    Adversário do Corinthians na final da Copinha pode ser eliminado da competição

    ver detalhes
  • Drogba quer conversa com técnico e presidente antes de decisão

    Avaliando proposta, Drogba quer contato direto com técnico e presidente do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes